Seria o Deus de Jesus, também seu Pai e nosso Deus, menos justo do que nós seres pecadores? Que significa a destruição da alma e do corpo no inferno? 4ª parte.

CLIQUE AQUI E OUÇA O ÁUDIO. MEDITE. PARTILHE O LINK.

“E não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno [gehena] a alma e o corpo” (Mateus10:28).

Conforme o https://portugues.ucg.org  “Devemos observar que Jesus não fala de pessoas que sofrem um tormento eterno. Ele diz que Deus pode destruir—aniquilar—o corpo e a alma no fogo do gehena . (Para saber mais, ver “Alguma passagem da Bíblia ensina que temos uma alma imortal?”

“Jesus aqui explica que, quando um homem tira a vida de outro, o resultado da morte é apenas temporário porque Deus pode trazê-lo à vida outra vez. Mas, quando Deus destrói alguém no inferno (gehena ), o resultado desta morte é eterno. Não há ressurreição neste caso e isso a Bíblia chama de “segunda morte”. (perceba, morte para nunca mais viver e não vivo no fogo sofrendo eternamente como ensinam)

A Bíblia diz que os pecadores impenitentes serão jogados no lago de fogo, ou gehena, no final dos

LEIA MAIS

A fragilidade da nossa vida aqui e onde estarei na eternidade? Vida eterna com Cristo e com Deus, sem trindade e sem participar do sistema religioso que lhe adora ou com a trindade e o sistema que o mantêm, lançados ao lago de fogo?

Ouça essa bela reflexão.

Clique aqui e ouça o áudio de A Voz e A Verdade. Medite, partilhe.

Então? Qual a sua escolha? Com Deus e com seu Deus e Pai, ou com a grande maioria perdida?

Veja o vídeo, clicando aqui.

 

 

A Fragilidade da nossa Vida e os nossos Planos. Pensou nisso?

Clique aqui e ouça o áudio do programa. Um Podcast

O nosso irmão Fábio Amaro de Natal, RN, escreveu:

“O homem civilizado aprendeu a planejar e programar o seu futuro, e com isso criou uma falsa expectativa de que depende única e exclusivamente dele mesmo, e somente, e passou a confiar na sua própria capacidade administrativa e estratégica. Ações simples como planejar uma viagem internacional ou um cruzeiro para doze meses à frente; casar-se com a mulher amada só depois de 5 anos de universidade e passar num concurso público; fazer um plano de previdência privada, para ter um bom salário na velhice, e tantas outras ações semelhantes a estas. Há alguma coisa de errada nas ações de um homem prudente em se precaver quanto ao futuro, guardando recursos para uma emergência, por exemplo? Não! O problema não está em ser um bom administrador de tudo aquilo que o Senhor lhe permitiu possuir, mas depender de si mesmo, da própria inteligência e dos recursos acumulados. O dia de amanhã não pertence ao homem. A vida do homem é como uma neblina

LEIA MAIS
Traduzir Site »