Header
Header
Header
Header
Header

PERDER 43 QUILOS EM 2 ANOS: É POSSÍVEL E É SAUDÁVEL.

maio 15th, 2013 | Posted by Paulo Pinto in Artigos

PERDER PESO
O antes e depois da Sabrina! (Foto: Arquivo Pessoal/ Luciana Cristhovam)
Por Fernanda Lopes

Olhar no espelho e não gostar do que vê. Não querer usar roupas que você ama por achar que não vai ficar bem. Comer sem motivo e sem tanta fome, só por ansiedade mesmo. Se esses “sintomas” parecem familiares para você, é sinal de que seu corpo e sua auto-estima estão pedindo ajuda. E ficar mais bonita e feliz nem precisa ser tão difícil assim, sabia?
A Sabrina Tallita, de 35 anos, tem uma história que pode servir como exemplo para toda mulher que quer dar uma guinada em sua vida. Gordinha desde a infância, ela chegou ao seu limite quando viu os temidos três dígitos na balança. Cansada de lutar contra o peso desde a adolescência – e perder as várias batalhas -, Sabrina resolveu se dedicar de vez ao emagrecimento e à sua saúde. O resultado? 43 quilos eliminados em dois anos!
A nutricionista conta que a grande vilã da sua alimentação era a ansiedade. “Mesmo sem fome eu comia. Qualquer situação diferente da minha rotina já me deixava ansiosa (como, por exemplo, uma prova na escola)”. Não só o corpo, mas o emocional dela também era extremamente atingido pelo excesso de peso: “eu ficava triste por estar gordinha, ficava com vergonha”.
Depois de tentar várias dietas (Sabrina fazia regimes desde os 12 anos), daquelas com restrições malucas, ela decidiu tomar uma atitude e conquistar sua boa forma. “A primeira coisa que eu fiz foi me conscientizar de que eu estava muito acima do peso e que isso estava me causando problemas de saúde. Coloquei na cabeça que, se eu quisesse ser magra, eu teria que mudar minha alimentação para sempre, através de uma reeducarão alimentar”.
PERDER PESO2
O antes de Sabrina (Foto: Arquivo Pessoal)
Sabrina é a prova de que não precisa morrer de fome para emagrecer. Ela, como nutricionista profissional que é, fez seu próprio plano alimentar: cortou doces, frituras, refrigerantes (só tomava refrigerante zero e de vez em quando) e passou a comer de três em três horas. “O meu ponto-chave foi comer várias vezes por dia em pequenas quantidades. Assim, toda vez que chegava na próxima refeição, eu não sentia muita fome”. Anotou essa dica?
Claro que ela também combinou sua dieta com uma série de exercícios físicos. Sem moleza: no mesmo dia em que começou o regime, ela se matriculou na academia. Fez musculação de segunda a sábado (uma hora e meia por dia) e hidroginástica duas vezes por semana.
Nem Sabrina esperava que os primeiros quilinhos começassem a ir embora tão rápido! Em janeiro de 2011, ela estava com 105 kg. No fim de fevereiro, ela já estava 15 quilos mais leve! 30 quilos foram embora apenas nos primeiros oito meses de dieta mais exercícios. A perda rápida serviu de estímulo, mesmo o ritmo de emagrecimento tendo diminuído no período seguinte. “Todo começo de dieta tem uma perda maior de peso, devido à mudança brusca na alimentação. A partir do momento em que diminuí as porções e comecei a preferir alimentos mais saudáveis, meu corpo respondeu a isso”, explica a nutricionista.
Talvez você esteja pensando: “mas como ela fazia para manter a dieta em situações que fica quase impossível, como festas e reuniões de família e amigos?”. Sabrina conta que jantava em casa antes de ir para alguma festa, e só se permitiu comer alguma coisa fora da dieta depois que tinha eliminado os 30 quilos (e, mesmo assim, em pouca quantidade). Ela também contou muito com a ajuda da família nesse período: no começo, a mãe e a irmã até fizeram a dieta junto com ela!
Hoje, Sabrina está linda e feliz com seus 62 kg, e ainda mantém a reeducação alimentar. “Hoje me permito comer um doce, um chocolate de vez em quando, mas sempre atenta na quantidade. E também continuo com pelo menos quatro refeições diárias, vira hábito”. Alguma dúvida de que investir no emagrecimento saudável foi fundamental para a melhora da auto-estima dela?
Sabrina tem algumas dicas para quem também quer perder peso e ser mais feliz. Veja as dicas:
Precisa ter muita força de vontade, porque não é fácil deixar de comer coisas gostosas
Se for difícil resistir, lembre-se: os doces não vão acabar!
Procure acompanhamento nutricional para fazer uma dieta equilibrada
Se a ansiedade também é um problema para você, Sabrina indica tomar muito suco de capim-cidrão! “Ele ajuda a diminuir a ansiedade pelas propriedades calmantes que tem. E é uma delicia, tomei muito durante o processo de emagrecimento”, ela conta.
Nenhuma dieta mirabolante tem efeito a longo prazo. Para Sabrina, é preciso saber que o importante é ser saudável e estar bem consigo mesma.
Enfim, o primordial: é preciso mudar a cabeça para mudar o corpo!
FONTE: http://br.mulher.yahoo.com/perder-43-quilos-em-dois-anos-poss-vel-180300203.html?page=all

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 You can leave a response, or trackback.

One Response

  • presbitero robson r pellegrino ( UNITARISTA BIBLICO) says:

    é verdade a gente fica ansioso e come demais, eu nao creio em remedios e nutricionista, se fossemos vegetarianos e comessemos naturalmente(menos industrializados) seriamos melhor na saude.
    Outro fato como dito comer de 3 em 3 horas um pouco , frutas etc!



Deixe uma resposta