Header
Header
Header
Header
Header

PASTOR PIONEIRO DO ADVENTISMO NO AMAZONAS PEDIU DESCULPAS A SEUS ALUNOS POR TER ENSINADO DOUTRINA NÃO BÍBLICA

setembro 7th, 2014 | Posted by Paulo Pinto in Artigos

casal_habenicht1
Amados irmãos,
Em visita recente ao Amazonas, em Manaus fomos informados, por ex-alunos do Pr. Robert Habenicht, que o mesmo, após seu retorno aos EUA, veio ao Brasil e, encontrando-se com ex-alunos, pediu-lhes desculpas por – por desconhecimento na época – ter ensinado o dogma romano da trindade, algo que não é bíblico e, por isso, nunca foi crença dos adventistas Pioneiros.
Assim, o Pr. Habenicht os ensinou sobre a divindade como as Escrituras sagradas mostram, e os batizou em nome do Senhor Jesus Cristo, como a Primitiva Igreja de Jesus e dos Apóstolos faziam.
Em visita recente que fizemos a Macapá, a convite de irmãos adventistas sinceros foram despertados para a verdade bíblica sobre o Deus único e verdadeiro, sobre o verdadeiro batismo bíblico, sobre a não obrigatoriedade do dízimo sobre os crentes sob a nova Aliança, prosseguimos os estudos bíblicos e, em 31 de agosto de 2014, seguindo a ordem do Mestre, em um abençoado final de tarde e início da noite, oficiamos o batismo de oito preciosas almas nas águas do rio Amazonas.
Soubemos, por parte de ex-alunos do saudoso Pastor, que “fundou no meio da selva o Instituto Adventista Agro-Industrial (Único internato até hoje no Amazonas – 1966)”, que a liderança da IASD o tratou como “se fosse um velho louco, que não sabe o que fala”.
“Um administração do nosso campus, que proibiu a pregação do pastor, assim que ele voltou pros States, começou a tentar desmoralizá-lo”.
Um irmão iniciou a tradução de “2 livros e a confissão dele (Pr Habenicht) de arrependimento (publicada no Old Paths).
Na visita que fizemos a Manaus entre 1 e 4 de setembro de 2014, tivemos a grata satisfação de ser visitado por dezenas de irmãos, muitos deles, fruto do trabalho abnegado do pastor Habenicht.
No final da tarde e início da noite de 3 de setembro, tivemos a grata satisfação de oficiar o batismo – em nome do Senhor Jesus – de um casal de queridos irmãos em Iranduba.
Louvado seja Deus porque Ele tem despertado almas sinceras a sair do sistema religioso que deixou a verdade e hoje homenageia o papado.

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 You can leave a response, or trackback.

Deixe uma resposta