PERGUNTANDO A JESUS SOBRE O CONSOLADOR ANUNCIADO EM JOÃO 14

“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. João 8:32.
Num mundo cheio de desânimo, tristeza e dor, pergunto a Jesus:
1ª.) Senhor meu e Salvador meu quem é o Consolador descrito no evangelho de João capítulo 14, versos de 16-23 quando o Senhor orou rogando ao Pai para Ele dar outro Consolador, para que fique com seus seguidores para sempre? O Senhor está se referindo a outro ser, uma 3ª. pessoa da trindade como o mundo ensina?
Resposta de Jesus em Mat. 28:20: … eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém. Obrigado Senhor por esclarecer aos sinceros estudantes de tua palavra.
2ª.) No verso 17 de João 14 o Senhor esclareceu que O Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece, mas os discípulos conheciam, porque habitava ou morava com eles e estaria neles refere-se ao próprio Senhor Jesus que morreria, seria ressuscitado pelo seu pai e seu Deus, ascenderia ao céu, receberia a promessa do Espírito Santo (Atos 2:32 e 33) ou seja, todo o poder no céu e na terra (Mat. 28:18) e no dia de Pentecostes, apenas dez dias após a ascensão derramaria o Espírito Santo, ou seja, poder e virtude de Deus?
Resposta de Jesus: “Eu sou o caminho a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim”. João 14:6. I Jo. 2:1 e I Tim. 2:5 confirmam que Jesus homem é o único paraklétos, advogado, intercessor entre Deus e os homens.
3ª.) Senhor Jesus, confirmas que o Consolador trata-se de tu mesmo, cheio do Espírito de Deus, embora divino filho de Deus, homem glorificado, numa dimensão superior, eterna, presente em toda parte pelo espírito de seu Deus e seu pai?
Resposta em João 14:18 a 21: “Não vos deixarei órfãos; (Eu) voltarei para vós.
19.Ainda um pouco, e o mundo não me verá mais, mas vós me vereis; porque eu vivo, e vós vivereis. 20. Naquele dia conhecereis que (Eu) estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós. 21. Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele.
4ª. Pergunta: Senhor Jesus João 14:22 afirma que Judas (não o Iscariotes) lhe perguntou como o Senhor (descrito como o outro Consolador) ia se manifestar aos discípulos e não ao mundo?
Resposta de Jesus: João 14: 23: “Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada”.
“E, porque sois filhos, Deus enviou aos vossos corações o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai”.
Gálatas 4:6-7.
Obrigado Senhor Jesus, divino Filho de Deus, meu Salvador, Consolador prometido, que consola e convence do pecado, da justiça e do juízo, como fez com Saulo a caminho de Damasco e faz amorosamente a todos que desejam sinceramente a salvação.

OUÇA O PROGRAMA A VOZ E A VERDADE
RÁDIO JUAZEIRO OU PELA WEB: www.radiojuazeio.com.br
2a. a 6a. feira, 6:50 h, sábados e domingos, 14 h.

Faça gratuitamente o Curso Bíblico que oferecemos.
Solicite pelo email: pacostapinto@hotmail.com
ou avozeaverdade@gmail.com

PERGUNTANDO A JESUS SOBRE O SEU DEUS E PAI

“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” João 8:32.
Já estudamos neste programa sobre o que Jesus falou sobre ele mesmo e sobre o Espírito Santo de Deus, que o Pai derrama sobre seu divino filho Jesus e este sobre sua igreja.
Hoje farei 5 perguntas a Jesus. 1) Senhor Jesus, meu salvador, muitos tem ensinado em suas denominações que na Bíblia sagrada as expressões Pai e Filho não significam o que significa para nós, mas que são apenas títulos funcionais. Na realidade o Senhor não é Filho de Deus, nem Deus é seu pai, mais um e outro são iguais e ambos são Deus?
Resposta: Ouvistes que eu vos disse: Vou, e venho para vós. Se me amásseis, certamente exultaríeis porque eu disse: Vou para o Pai; porque meu Pai é maior do que eu. João 14:28.
Muito obrigado Jesus, pois afirmas na palavra de Deus que o Senhor é Filho de Deus e Deus é seu pai e que seu pai é maior do que o senhor. Não são co-iguais como afirma o dogma.
2) Senhor Jesus, meu Salvador, é verdade que existe uma trindade no céu conforme estabeleceram os concílios de Nicéia e de Constantinopla, 325 e 381 dC e a quase totalidade das igrejas crêem e ensinam isso?
Repostas de Jesus: “E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste”. João 17:3.
“A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu Deus, e dele nunca sairá; e escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém, que desce do céu, do meu Deus, e também o meu novo nome”. Apocalipse 3:12.
Disse-lhe Jesus: Não me detenhas, porque ainda não subi para meu Pai, mas vai para meus irmãos, e dize-lhes que eu subo para meu Pai e vosso Pai, meu Deus e vosso Deus. João 20:17.
3) Senhor Jesus, meu Senhor e Salvador, é verdade que existe uma 3ª pessoa da trindade que intercede por nós junto ao seu Deus e seu pai? E que além dessa 3ª. pessoa existem a virgem Maria e os santos?
Resposta: “Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. João 14:6.
Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo HOMEM. 1 Timóteo 2:5. (Destaque acrescentado)
4) Senhor Jesus, precioso Filho de Deus e meu Salvador, ensinam que tu fizestes milagres quando aqui esteve porque tu és um Deus igual ao pai? É isso mesmo?
Resposta: “Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras”. João 14:10.
5) Senhor Jesus, meu Salvador, como considerar aqueles que ensinam o dogma da trindade, 3 pessoas que são deus pai, deus filho e deus espírito santo, co-iguais e co-eternas? (Se são co-iguais e têm a mesma idade, logo não há pai nem filho, ainda que os mencionem. Quando dizem que pai e filho são títulos funcionais, deixam de confirmar a palavra de Deus)
Resposta: Quem é o mentiroso, senão aquele que nega que Jesus é o Cristo? É o anticristo esse mesmo que nega o Pai e o Filho.
Qualquer que nega o Filho, também não tem o Pai; mas aquele que confessa o Filho, tem também o Pai.
1 João 2:22-23. (MUITOS HOJE JÁ NÃO CONFESSAM O FILHO DE DEUS, COMO TAL, POIS, GUIADOS PELAS REGRAS DO ECUMENISMO, O TORNARAM DEUS – DESDE O CONCÍLIO DE NICÉIA EM 325 dC. VEJA O LIVRO “E HAVERÁ UM SÓ REBANHO” (OBSERVE A PÁGINA 222. DÊ UM CTRL+F E DEPOIS ESCREVA NA JANELINHA: TRINO. VAI ENCONTRAR A BASE CONSTITUTIVA DO CONIC DO CMI. SÃO AS REGRAS DO ECUMENISMO)
Obrigado Senhor, por responder às minhas perguntas e que os ouvintes tenham entendido e tomem a sua decisão ao lado da verdade.

OUÇA O PROGRAMA A VOZ E A VERDADE
RÁDIO JUAZEIRO OU PELA WEB: www.radiojuazeio.com.br
2a. a 6a. feira, 6:50 h, sábados e domingos, 14 h.

Faça gratuitamente o Curso Bíblico que oferecemos.
Solicite pelo email: pacostapinto@hotmail.com
ou avozeaverdade@gmail.com

O FIM DO CRISTIANISMO NA EUROPA? Igrejas cristãs são substituídas por mesquitas no Velho Continente

Igreja-Luterana
Por Jarbas Aragão
Por força da lei, o exterior da antiga igreja luterana Kapernaumkirche continua igual. Mas por dentro em breve o espaço abrigará a mesquita do Centro Islâmico Al-Nour. Foram gastos um milhão de euros na reforma do templo, que exemplifica uma tendência cada vez mais comum na Europa.
A associação Al-Nour, fundada em 1993, reúne a maior parte dos muçulmanos que moram em Hamburgo, Alemanha, berço da Reforma Protestante. Os moradores da área aceitaram sem problemas esta nova utilização do prédio. Os líderes da Igreja Luterana dizem que tiveram de vender a igreja por problemas financeiros, já que restavam apenas alguns fieis indo aos cultos.
O porta-voz da comunidade muçulmana, Daniel Adbin, comemora que após 20 anos os muçulmanos da cidade terão uma mesquita reconhecida. Até recentemente eles se reuniam em um prédio comum, já que não podiam construir um templo.
Somente na Alemanha, mais de oitocentos igrejas católicas e protestantes foram fechadas desde o início da década de 1990. No entanto, este fenômeno que é chamado de “Euroislãmização” tem se espalhado por todo o continente.
Os representantes da Igreja Católica na França há décadas alertam sobre as pessoas que estão abandonando a fé cristã e, com isso, abrindo espaço para o crescimento do Islã.
Um estudo realizado pelo Instituto Hudson em 2011 mostrou que na França o Islã deverá ser a religião dominante em dez anos, deixando o domínio católico para trás. Ao mesmo tempo, a Holanda, onde surgiu a Igreja Reformada, tinha mais de 4200 igrejas cristãs em 2011. Estima-se que 1400 delas não existirão mais até 2020. Mais de 900 igrejas foram fechadas no país desde 1970. Muitas hoje abrigam mesquitas.
Segundo Silantiev Romano, professor da Universidade Estatal de Moscovo e estudioso do Islã, esses dados mostram uma tendência do cristianismo ser extinto na Europa como parte da rápida mudança no mundo. Para o estudioso, essa é uma derrota real para o Ocidente, que está perdendo inegavelmente espaço para o Islã, em um fenômeno de “ocupação cultural”.
De acordo com Romano, a negação dos valores cristãos europeus, mostra que em algumas décadas o Velho Continente poderá estar dividido entre ateus (ou sem-religião) e os muçulmanos.
Fonte:GospelPrime
http://www.idagospel.com/2013/03/o-fim-do-cristianismo-na-europa.html

PERGUNTANDO A JESUS SE O ESPÍRITO SANTO É DE DEUS – SEU DEUS E SEU PAI – OU A 3ª. PESSOA DA TRINDADE CELESTE?

“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” João 8:32.
E há de ser que, depois derramarei o meu Espírito sobre toda a carne, e vossos filhos e vossas filhas profetizarão, os vossos velhos terão sonhos, os vossos jovens terão visões. E também sobre os servos e sobre as servas naqueles dias derramarei o meu Espírito. Joel 2:28 e 29.
Graças a Deus pelo seu eterno amor e bondade para conosco, ao ponto de ter enviado o Seu único Filho, Jesus Cristo, para nos salvar do pecado e da morte e por derramar o Seu Espírito ou do Seu Espírito, também chamado de Espírito Santo de Deus ou simplesmente Espírito Santo. Atos 2:17 e 18, Isaías 44:3, Ezequiel 39:29, Provérbios 1:23.
Pergunto a Jesus nesta hora, Senhor Jesus meu Senhor e Salvador, “o Espírito santo é de Deus, o seu Deus e seu pai ou a 3ª. pessoa da trindade celeste?”.
Resposta de Jesus: “O Espírito do Senhor é sobre mim, Pois que me ungiu para evangelizar os pobres. Enviou-me a curar os quebrantados do coração, A pregar liberdade aos cativos, E restauração da vista aos cegos, A pôr em liberdade os oprimidos, A anunciar o ano aceitável do Senhor” Lucas 4:18 e 19, o mesmo que foi profetizado em Isa 61:1.
No livro de Atos 2:32 e 33 está escrito que Cristo foi ressuscitado pelo Pai, assentou-se à sua direita, (de imediato, não quase 2 mil anos depois), foi honrado sobremaneira pelo Pai e seu Deus, lhe foi cumprida a promessa do Espírito Santo, portanto, foi cheio do poder e espírito de Deus, O mesmo que lhe deu todo o poder no céu e na terra (Mat. 28:18) e foi Cristo mesmo quem derramou o Espírito santo sobre os discípulos no dia de pentecostes, 50 dias após a ressurreição e apenas 10 dias após a ascensão ao céu. Isso é confirmado por Efésios 4:1 a 12 e por Gálatas 4:6.
Obrigado Senhor Jesus por nos mostrar que O Espírito Santo é o precioso Espírito de Deus, glória, virtude, poder de Deus derramado em plenitude sobre Ele e sobre todos quantos o aceitam como Salvador e Senhor, o divino Filho do Deus único e verdadeiro, YHVH, , o Pai.
Muitos não sabem, mas até cerca do ano 360, os debates teológicos tratavam principalmente da divindade de Jesus. O Concílio de Niceia não esclareceu que o Espírito Santo era a terceira pessoa de um conjunto de 3 seres divinos celestes, mais tarde entendido como parte de uma trindade, até porque os macedonianos negavam a divindade do Espírito Santo.
Portanto, cremos em Deus o Pai, único Deus verdadeiro (João 17:3), em Seu divino Filho Jesus Cristo e no Espírito Santo de Deus, sua glória e poder que Ele derrama sobre todos os seus filhos sinceros.
Que Deus seja louvado, e engrandecido o Seu nome e que Ele faça de todos nós pessoas sinceras, monoteístas, no nome de Jesus, amem, aleluia.

QUE DEVO FAZER AO DESCOBRIR QUE A MINHA IGREJA OU DENOMINAÇÃO PERTENCE AO SISTEMA RELIGIOSO QUE DEIXOU A VERDADE E PREGA DOUTRINAS FALSAS?

“Porém, se vos parece mal aos vossos olhos servir ao SENHOR, escolhei hoje a quem sirvais; se aos deuses a quem serviram vossos pais, que estavam além do rio, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra habitais; porém eu e a minha casa serviremos ao SENHOR”. Josué 24:15.
Deus continua chamando filhos e filhas preciosos para serem reparadores das brechas feitas na sua santa Lei. “Porém, não conheço uma igreja oficialmente estabelecida que esteja honrando de verdade o sábado, adorando ao Deus único em vez de a trindade, seguindo apenas a Bíblia e denunciando o papado. Então, vem a pergunta onde devo adorar?
Fique certo de que você não está enfrentando esse dilema sozinho.
Todos os crentes envolvidos na reparação das brechas na lei de Deus estão enfrentando essa situação. Tivemos que deixar nossas igrejas após descobrir que elas amam muito pouco a verdade. Mesmo as igrejas que afirmam honrar o sábado só estão prestando falsos serviços. Elas mantêm o sábado sagrado quando é possível ou conveniente fazê-lo.
Após surgirem circunstâncias hostis, tornando difícil a prática da observância do sábado, essas igrejas liberarão os membros de sua obrigação de manter o sábado sagrado. Mas a palavra de Deus nos diz: “antes, importa obedecer a Deus do que aos homens” Atos 5:29.
Em breve, todos na terra enfrentarão o dilema: a quem obedeço, ao homem ou a Deus? Escolhemos obedecer a Deus sem nos importar com as pressões ou punições a que estaremos sujeitos, buscando um reino celestial.
Nesse meio tempo, após abandonar todas as igrejas e religiões opostas à verdade de Deus, começamos a nos reunir em nossas casas tentando conquistar parentes, amigos e vizinhos para a verdade até formarmos pequenas associações de fiéis. Portanto, podemos afirmar a promessa de Cristo “onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, ali estou no meio deles” Matheus 18:20.
Testemunhamos que, quando nos afastamos de igrejas e falsas religiões em obediência à ordem de Deus, desfrutamos de liberdade e libertação”. “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” João 8:32.
Recebemos nesta semana uma mensagem de um querido irmão de Maranhão, dando graças ao Deus Único, e ao nosso Senhor Jesus Cristo, por continuar perseverando e se aplicando cada dia ao ensino da palavra de Deus, na mais na denominação que frequentava. Agora se reúne com a sua família e mais dois irmãos que se interessaram pela verdade. Estão vivendo o evangelho simples do nosso Senhor Jesus Cristo, livres do sistema religioso, seguindo a Cristo, já há 7 meses, fora do sistema e felizes, esperando em breve de acordo com a vontade de Deus, ser batizado em nome do Senhor Jesus, nunca mais no nome da trindade. Informou que está crescendo espiritualmente a cada dia e feliz em Cristo com sua família e os novos irmãos em Cristo.
“Nossa alegria também poderá ser sua, desde que você escolha se isolar para se tornar um filho ou filha de Deus. “O vencedor herdará estas coisas” Apocalipse 21:7.
Oramos para que você opte por reparar as brechas feitas pelo sistema religioso na lei de Deus e se dedique a salvar tantos quantos estejam desejosos de escapar à impostura que está dominando um mundo que enfrenta sua última chance antes da pronta segunda vinda de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. AMÉM”.
“Porém, se vos parece mal aos vossos olhos servir ao SENHOR, escolhei hoje a quem sirvais; se aos deuses a quem serviram vossos pais, que estavam além do rio, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra habitais; porém eu e a minha casa serviremos ao SENHOR”. Josué 24:15.

LEIA TAMBÉM: Ultima chance para o mundo

O REINADO DOS PAPAS

A renúncia do Papa Bento XVI, que ocorreu no dia 28 de fevereiro de 2013, às 17 horas (horário de Brasília), aconteceu para se cumprir a profecia do verso dez de Apocalipse 17, que diz: “Cinco reis já caíram, e um existe; outro ainda não é vindo; e quando vier vai durar pouco tempo”.

Para uma maior compreensão do cumprimento dessa profecia bíblica em torno da renúncia de Bento XVI, que está na condição de sétimo rei do Apocalipse 17, teremos que conhecer a pré-história e história do cristianismo.

O judaísmo foi fundado por Moisés, e surgiu em 1200 antes de Cristo, com o culto ao Deus único Javé. Na verdade, uma simples imitação do culto egípcio ao deus único Aton, que inaugurou o monoteísmo. A semente que determinou a fundação do judaísmo foi semeada por Abraão, o “pai da fé” e patriarca dos “filhos de Deus” que viveu no período compreendido de 2056 a 1881 antes de Cristo.

Em 27 AD o rabino Jesus promoveu um cisma do judaísmo, dando origem ao cristianismo, tendo Ele como principal “Cabeça da Igreja” entre 34 até o ano 100. Com a entrada da apostasia na igreja cristã primitiva, surgiram inúmeras seitas cristãs independentes. Porém, do ano 100 até o ano 200, elas foram se fundindo em uma só igreja que recebeu a denominação de “católica” (Isto é: “universal”, ou “unificada”). Pouquíssimas igrejas cristãs ficaram de fora dessa fusão, como a igreja etíope, o judaísmo e o budismo que mantêm-se independentes até hoje.

Até o ano de 538 AD, a Igreja Católica era governada pelo Bispo de Roma. Nesse mesmo ano, quando a Igreja foi organizada através de um decreto do imperador romano, Justiniano, a instituição religiosa recebeu a denominação de Católica Apostólica Romana, dando início ao Papado, um poder perseguidor que, durante 1.260 anos: 538 – 1798, através de “Cruzadas” e da “Santa Inquisição”, matou mais de 100 milhões de cristãos que não concordavam com os dogmas da Igreja, além de cabeças pensantes do período medieval: cientistas e inventores, que contrariavam o Clero com suas descobertas científicas. O Papa João Paulo II chegou a pedir perdão ao mundo, em nome do catolicismo, pelas atrocidades cometidas pela Igreja, na Idade Média.

Em 645 AD o profeta Maomé misturou judaísmo com cristianismo para dar origem a uma terceira religião de adoração ao deus da Abraão, o islamismo.

Em 1054 AD a igreja católica se dividiu em duas. Uma para o ocidente (Católica Romana) e outra para o oriente (Católica Ortodoxa).

Em 1517 AD o padre católico Martinho Lutero, seguindo o exemplo de Jesus, criou um segundo cisma, contribuindo para o surgimento do protestantismo, com centenas de denominações, perfazendo um total de 5.800 seitas religiosas, segundo levantamento feito pelo clero católico.

Em 1798 AD, depois de 1.260 anos de supremacia papal retratado pelo poder perseguidor do Chefe da Igreja Romana, a instituição religiosa perdeu o seu status, quando por determinação de Napoleão Bonaparte, o general Alexander Bertier aprisionou o Papa Pio VI, para cumprir-se Apocalipse 13:3, em que “uma das cabeças da besta seria ferida de morte”. Segundo o que determina a “lei do retorno”, se alguém leva para cativeiro, para cativeiro vai. Se alguém matar à espada, necessário é que seja morto à espada (Apoc. 13:10). Foi o que aconteceu com o Chefe da Igreja Católica Romana na pessoa de Pio VI, depois de promover perseguições aos valdenses, nos Alpes da Itália.

Uma vez que o Papado perdeu o seu poder de perseguir e matar, não se pode admitir ser o atual Chefe da Igreja Católica a besta do Apocalipse. O verso 8 de Apocalipse 17, afirma que a besta já era; não é mais. O Clero católico agiu como uma “besta avassaladora” até 1798. De lá para cá os Papas estão agindo como verdadeiros reis pacíficos.

No passado, quando a Igreja foi organizada, o Papa governava como rei, até que o poder subiu-lhe à cabeça, e este passou a perseguir e matar até ao dia em que Napoleão mandou aprisionar a “besta”, em 1798, que foi exibida pelas ruas de Paris, em desfile, com uma coleira de cão ao pescoço puxado por um escravo. Com a humilhação sofrida que resultou na perda do poder perseguidor, a Igreja Católica passou a ser dirigida por Papas que os próprios católicos consideravam como “vassalo”, ou seja: indivíduo que, na sua humildade, pedia algum benefício a um nobre superior e em troca fazia um juramento de absoluta fidelidade.

O sistema de soberania do Chefe da Igreja Católica, na condição de rei, reiniciou em 11 de fevereiro de 1929, quando o então Primeiro-Ministro italiano, Benito Mussolini, juntamente com o Papa Pio XI, assinaram o famoso “Tratado de Latrão”. Através desse ato, “a ferida mortal da besta foi curada; então toda a Terra se maravilhou, seguindo seus ensinamentos” (Apoc. 13:3).

Por força do referido “Tratado”, o Papado voltou à condição de rei; para isso, foi criado o Estado do Vaticano, com 44 hectares, dentro da cidade de Roma. O novo Estado Pontifício compreende a basílica com a Praça de São Pedro, o palácio, os museus, os jardins e as dependências que abrigam o Papa. Sendo assim, o Vaticano foi reconhecido pela comunidade internacional como um Estado independente e soberano.

Enfim, em 1929 o Papa volta a ser rei, com soberania sobre o Estado do Vaticano. Com isso, inicia-se a contagem dos sete reis-chefes da Igreja romana.

Segundo Apocalipse 17:10 “São sete reis, dos quais caíram cinco, um existe, e outro ainda não chegou; e quando chegar vai durar pouco tempo”.

Os sete reis são identificados como sete Papas, seguindo a seguinte ordem, a partir de 1929, com a criação do Estado do Vaticano:
– o primeiro foi Pio XI, que reinou 17 anos e 4 dias, no período de 06/02/1922 até 10/02/1939;
– o segundo, Pio XII, que reinou 19 anos, 7 meses e 5 dias, de 02/03/1939 a 09/10/1958;
– o terceiro, João XXIII, que reinou 4 anos, 8 meses e 15 dias, de 28/01/1958 a 03/06/1963;
– o quarto, Paulo VI, que reinou 19 anos, 2 meses e 15 dias, de 21/06/1963 a 06/08/1978;
– o quinto, João Paulo I, que reinou apenas um mês e 2 dias, de 26/08/1978 a 28/09/1978;
– o sexto, João Paulo II, que reinou 27 anos, 5 meses e 19 dias, de 16/10/1978 a 02/04/2005;
– o sétimo, Bento XVI, que reinou 7 anos, 10 meses e 4 dias, de 24/04/2005 a 28/02/2013.

Referindo-se ao sétimo rei do Vaticano, no caso Bento XVI, o verso 10 de Apocalipse 17 diz que quando ele chegasse, duraria pouco tempo. Foi o que aconteceu! Agora o mundo espera o oitavo rei que, segundo Apocalipse 17:11, vai proceder do sétimo. Diz também que o próximo rei será o Anticristo, e caminhará para a destruição, por ser o último Papa que reinará com mão de ferro, com o mesmo espírito que se apossou dos fariseus da antiguidade, como também dos Papas de Roma pagã que mataram 100 milhões de pessoas, e de Hitler, que matou nos campos de concentração nazistas mais de 6 milhões de judeus.

Enfim, a Bíblia revela que o oitavo rei será mesmo a “besta” ou poder perseguidor, que vai receber total apoio dos Estados Unidos da América, a segunda besta de Apocalipse 13, que emergiu da terra, enquanto a primeira besta emergiu do mar: povos e nações. Contudo, o Papa só poderá ser considerado a “besta do apocalipse” depois que assinar um decreto confirmando a obrigatoriedade da observância do domingo como dia de repouso em reverência e obediência ao Papado, contrariando a Bíblia que diz ser o sábado o sinal de Deus (Ezeq. 20:12,20).
_________________________
Wilson Dias, escritor, jornalista e estudioso de assuntos relacionados a história, filosofia e fundamento das religiões.

Observação: É importante lembrar que a grande questão da humanidade sempre foi e será a adoração. A quem adoramos? Assim foi desde o princípio e não seria exceção no final da história.
A quem adoramos? Ao Deus único e verdadeiro, o Deus e Pai de Jesus Cristo (Efésios 1:3, Rom. 15:6, II Cor. 11:31,…) ou ao deus Trindade estabelecido nos porões de Roma?
É bem verdade que o Sábado é o santo dia do Senhor e deve ser guardado, sim; mas, o sinal que o povo de Deus receberá na fronte será o nome de Deus e do Cordeiro.
E olhei, e eis o CORDEIRO em pé sobre o Monte Sião, e com ele cento e quarenta e quatro mil, que traziam na fronte escrito o nome DELE e o nome de seu PAI. Apocalipse 14:1-2.

COMO ESTAMOS TRATANDO NOSSO PLANETA?

E tomou o SENHOR Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar. Gênesis 2:15
O vídeo que irão ver, mostra uma ilha em pleno oceano Pacífico distante 2.000 milhas da costa. Esta ilha é desabitada e há somente pássaros. No entanto…Vejam o vídeo que todos deveriam ver! (CLIQUE E AGUARDE CARREGAR)
A terra pranteia e se murcha; o mundo enfraquece e se murcha; enfraquecem os mais altos do povo da terra. Isaías 24:4
A terra geme e pranteia, o Líbano se envergonha e se murcha; Sarom se tornou como um deserto; e Basã e Carmelo foram sacudidos. Isaías 33:9
PENSEMOS EM MUDAR NOSSA PRÁTICA DIÁRIA, DE MODO A PRESERVAR O NOSSO PLANETA.

PERGUNTANDO A JESUS COMO ELE TRATA AO QUE O BUSCA. Leia o testemunho de alguém que descobriu erros doutrinários em sua igreja e decidiu deixa-la

“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. João 8:32.
Pergunto a Jesus Cristo: 1) Meu mestre e meu Salvador, como o Senhor trata àquele que o busca em espírito e em verdade?
Resposta: “Todo o que o Pai me dá virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora. João 6:37.
“Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”. Mat. 11: 28 a 30.
“Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens”. Mateus 4:19.
“Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome, e quem crê em mim nunca terá sede”. João 6:35.
Como no passado Deus continua chamando todas as pessoas sinceras a saírem das trevas para a Sua maravilhosa luz.
Assim, Deus chamou a Abrão para ele sair da sua terra, do meio da sua parentela para ir a uma terra que Deus mesmo lhe mostraria.
E o que fez Abrão, mais tarde Abraão ou pai de muitas nações? Saiu sem saber para onde ia e Deus o conduziu a um destino seguro e eterno. Deus queria que Abrão deixasse a idolatria, ou seja, deixar de servir a muitos deuses, deixar o politeísmo e servir ao Deus altíssimo e único Deus verdadeiro, como afirmou Jesus, seu divino filho em João 17:3.
Recentemente uma pessoa leitora de nosso site www.aodeusunico.com.br, membro de uma igreja conceituada nos escreveu o seguinte.
“A paz do eterno!
Há um tempo atrás aceitei JESUS e me tornei membro da igreja tal, no começo estava satisfeito com essa denominação, mas quando a emoção que me deixou satisfeito passou, me veio uma vontade de estudar detalhadamente todas as doutrinas dessa igreja, e foi ai que descobri que a maioria de suas teorias são anti bíblicas, principalmente a trindade, a abolição do sábado e o tormento eterno, foi então que percebi que mesmo tendo aceitado a JESUS eu só me tornei membro desse grupo por ter me deixado levar pela emoção e que é bem utilizado pelos …, e quando fiz discretamente algumas perguntas a alguns irmãos questionando algumas visões pregadas no nosso meio, simplesmente eles me disseram que eu tinha que orar mais e buscar o batismo com o espírito santo, ou seja, ao invés de responderem biblicamente, me responderam fazendo pressão psicológica como se eu não fosse espiritual para compreender essas supostas verdades. Mas graças a DEUS eu me converti a JESUS baseado na bíblia, e não a esse emocionalismo pentecostal extra bíblico e nem tampouco a qualquer tradição que não tenha sustentação bíblica, é por isso que me tornei estudante da bíblia, e estou estudando todas as doutrinas da mencionada denominação para provar para quem quiser que estou saindo dessa igreja não por eu estar em apostasia ou ter deixado a JESUS, e sim pra sair da apostasia e não deixar JESUS.
O problema é que ainda “faço parte” da tal denominação e não me manifestei abertamente sobre a discordância que tenho das teorias dessa igreja, isso ocorre porque, como já comentei, estou me preparando para provar para quem quiser que não sou apóstata ou estou deixando JESUS e sim, estou saindo para não ser apóstata e não deixar a JESUS para ser mais um religioso”.
Deus seja louvado e engrandecido o Seu nome e que a verdade continue triunfando e que as pessoas sinceras, a exemplo dessa cujo testemunho está publicado em nossa página na web www.aodeusunico.com.br e o de milhares ao redor do mundo que estão reestudando as doutrinas de suas denominações à luz da Bíblia sagrada, não mais à luz dos catecismos e dos manuais preparados pelo sistema religioso corrupto, irmanado no ecumenismo, onde a verdade é nivelada por baixo e os dogmas elevados à categoria de doutrinas como se fossem verdades.
“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”, palavras de Jesus, o Filho único do Deus único e verdadeiro, o Pai, em João 8:32. Nunca se esqueça disso.

OUÇA O PROGRAMA A VOZ E A VERDADE
RÁDIO JUAZEIRO OU PELA WEB: www.radiojuazeio.com.br
2a. a 6a. feira, 6:50 h, sábados e domingos, 14 h.

Faça gratuitamente o Curso Bíblico que oferecemos.
Solicite pelo email: pacostapinto@hotmail.com
ou avozeaverdade@gmail.com

PRIMEIRO SATÉLITE DEDICADO A VIGIAR ASTEROIDES É LANÇADO

O primeiro telescópio espacial especificamente dedicado à busca de asteroides foi lançado nesta segunda (25) com sucesso
Do tamanho de uma mala grande e batizado de NEOSSat (Satélite de Vigilância de Objetos Próximos à Terra, na sigla em inglês), o aparelho foi desenvolvido pela Agência Espacial do Canadá e custou cerca de R$ 50 milhões.

O satélite circulará a Terra cada cem minutos e será posicionado a 800 km do planeta. Por sua localização, ele conseguirá vasculhar uma área bem próxima ao Sol, até cerca de 45º. Essa região é de difícil observação pelos telescópios terrestres, que atualmente fazem o grosso do monitoramento.

Uma outra vantagem é que, diferentemente dos em solo, o espacial vai operar o dia inteiro. Os de solo só funcionam durante a noite.
Além dos bólidos, o satélite canadense também vai prestar atenção ao lixo espacial –como resto de satélites e foguetes. O objetivo é evitar que eles colidam com algum satélite operacional.

O dispositivo tirará centenas de imagens por dia, que serão enviadas para pesquisadores no Canadá. São eles que vão determinar se o asteroide é novo ou já catalogado, além de sua trajetória e o potencial risco de colisão.

Os criadores do satélite deixam claro, no entanto, que o objetivo não é apenas encontrar bólidos que possam ser perigosos. Eles querem entender melhor do que são feitos e como se comportam asteroides que ficam inteiramente, ou durante boa parte do tempo, na órbita da Terra.

Isso poderia contribuir para futuras pesquisas científicas ou para a mineração.

O dispositivo conseguirá identificar asteroides entre 50 milhões e 100 milhões de quilômetros de distância.

O telescópio foi elaborado para achar grandes objetos, com mais de algumas centenas de diâmetro. Asteroides pequenos, como o de 17 metros que explodiu sobre a Rússia há pouco mais de uma semana, não serão detectados pelo aparelho.

ATENÇÃO AOS PEQUENOS
Na opinião de Scott Hubbard, professor da universidade Stanford e um dos diretores da Fundação B612, ONG que reúne cientistas e astronautas e alerta para o perigo da colisão de asteroides, o grande problema hoje são os pequenos objetos.

“A Nasa está fazendo um bom trabalho de monitoramento e localização dos grandes asteroides. O que falta mesmo é prestar atenção aos pequenos corpos”, disse Hubbard à Folha.
Sua fundação pretende construir e lançar um satélite bem maior que o canadense, batizado de Sentinela, para identificar também esses objetos menores.
Segundo o cientista, o ideal é localizar os asteroides com muito tempo de antecedência, para que haja tempo para decidir o que fazer.

Umas das possibilidades deverá ser testada em 2022 por americanos e europeus para desviar o asteroide Didymos. Trata-se de um sistema binário com um objeto menor que orbita o maior. O objetivo dos cientistas é lançar o menor sobre o maior, alterando o sistema e desviando sua trajetória.

(Giuliana Miranda – Folha de São Paulo)
JC e-mail 4672, de 26 de fevereiro de 2013.?

PERGUNTANDO A JESUS O QUE ELE ENSINOU SOBRE SI MESMO

“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. João 8:32.
Pergunto a Jesus Cristo:
1) O que nos ensinou sobre si mesmo?
Resposta: 16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
17 Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.
18 Quem crê nele não é julgado; mas quem não crê, já está julgado; porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. João 3:16-18.
Na conversa de Cristo com Nicodemos, vemos que o ensinamento mais claro feito pelo próprio Senhor Jesus foi o de que Ele é o único filho gerado do Pai e seu Deus. Um fato muito interessante é que Jesus referia-se a Ele como sendo outro, sempre usando a 3ª. pessoa, ao invés da 1ª. “Deus…deu o seu Filho unigênito” v. 16, “Deus enviou o seu Filho ao mundo” v. 17, “Quem crê nele não é julgado” v. 18. Em nossa pagina www.aodeusunico.com.br temos um texto de Marcos Avelar do RJ mostrando centenas de passagens em que JESUS FALOU DE SI MESMO MUITAS VEZES COMO SE FOSSE DE UMA OUTRA PESSOA. Um desses momentos é quando fala do outro Consolador que muitos pensam ser uma 3ª. pessoa da trindade, mas trata do próprio Senhor Jesus Cristo, cheio do Espírito Santo de Deus, em outra dimensão, cumprindo o que Ele disse em João 14:16 e em Mat. 28:20 “Eis que eu estou convosco todos os dias, até à consumação dos séculos”.
E nisto consiste o grande amor de Deus e a essência do evangelho da salvação, o fato de ter Deus enviado seu único filho, como que esvaziando o céu, por amor à raça humana. Sublime amor, indescritível amor.
Por isso, João, o discípulo amado escreveu “Nisto se manifesta o amor de Deus para conosco: que Deus enviou seu Filho unigênito ao mundo, para que por ele vivamos.
Nisto está o amor, não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou a nós, e enviou seu Filho para propiciação pelos nossos pecados. 1 João 4:9 e 10.
Então está claro na Palavra de Deus que Jesus é o Filho de Deus, o soberano do universo, e não o próprio Deus.
Muitos têm afirmado que Jesus é um Deus igual ao Pai, mas eu pergunto a Jesus nesta hora:
2) Senhor Jesus, é verdade que tu és um Deus igual ao Pai?
Resposta de Jesus, explicando sobre o “outro” consolador: “Ouvistes que eu vos disse: Vou, e venho para vós. Se me amásseis, certamente exultaríeis porque eu disse: Vou para o Pai; porque meu Pai é maior do que eu”. João 14:28.
Observe o que Jesus respondeu: “meu Pai é maior do que eu”. Então, por que o dogma da santíssima trindade afirma que o Pai é co-igual ao Filho? Em quem se deve confiar? Nos defensores da trindade ou em Jesus Cristo?
Concluo com as belas palavras de Jesus em Mat. 11:28 a 30, que trazem esperança para todos os que crêem nEle: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.
Amém, Aleluia.

PASTORES ENVOLVIDOS COM A MAÇONARIA

Ákel lili apresenta depoimento do Pastor Vanderlei Bibá em Nova Iguaçu, e acrescenta muitas informações sobre pastores de várias denominações envolvidos com a maçonaria.

DUAS PERGUNTAS A JESUS CRISTO, O FILHO ÚNICO DO DEUS ÚNICO E VERDADEIRO, O PAI

“E CONHECEREIS A VERDADE E AVERDADE VOS LIBERTARÁ”. JOÃO 8:32.
“Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.
Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade”. Mat. 7:21 a 23.

O mundo está repleto de religiões, crenças e denominações, todas oferecendo salvação e defendendo sua “verdade”.
Muitas vezes isso cria um sério problema para muitas pessoas, sobre tudo as de menor conhecimento.
Perguntaremos a Jesus Cristo, o divino Filho único do Deus único e verdadeiro, o Pai, 1) como entrar no reino dos céus. Mas, é isso mesmo possível? A resposta de Jesus está na Bíblia em Mat. 7:21: “Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus”.
Há muitos religiosos que dizem que Jesus é o próprio Pai. Outros, que ele é um Deus igual ao Pai, a 2ª. Pessoa da santíssima trindade. Mas, onde eles encontram isso na palavra de Deus a Bíblia sagrada?
É importante meu irmão, minha irmã, meu amigo, minha amiga que estejamos bem atentos, porque quem nos julgará não será sua igreja com seus catecismos e muitos manuais, seu pastor, seu bispo, seu apóstolo, não. Eu e você seremos julgados por Cristo.
Faremos outra pergunta a Jesus Cristo. 2) Senhor Jesus, basta fazer parte de uma igreja, deixar de fumar ou beber – o que, sem dúvida é importante, é desejável, é útil – mesmo que ela ensine coisas que o Senhor Jesus nunca ensinou como adorar a 3 seres, guardar o domingo, crer que os mortos continuam vivendo, batizar as pessoas em nome de uma trindade em vez de em seu próprio nome, como está em todo o novo testamento, só para continuar no sistema ecumênico e sua igreja gozar de prestígio com o Vaticano e as demais peças do sistema religioso? Basta fazer parte de uma igreja e já está assegurado entrar no reino dos céus?
Jesus Cristo responde com as palavras que estão em mat. 7:22 e 23: “Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade”. Mat. 7:21 a 23.
Percebe a resposta de Cristo?
Percebe que nenhuma placa de igreja salvará a você e a mim?
Então chegamos à dura conclusão de que as igrejas estão mentindo, estão fazendo uma propaganda enganosa, estão vendendo um produto e não o estão entregando, porque essa chave está unicamente nas mãos de Jesus Cristo, porque Ele venceu na cruz, cumprindo o eterno propósito do seu Pai e seu Deus.
Assim, eu lhe convido agora a refletir sobre sua vida espiritual. Em que direção você está indo?
A volta de Cristo está próxima e ainda há tempo. Hoje, agora. Preparemo-nos. Amém, aleluia.
Paulo Augusto da Costa Pinto

OUÇA O PROGRAMA A VOZ E A VERDADE
RÁDIO JUAZEIRO OU PELA WEB: www.radiojuazeio.com.br
2a. a 6a. feira, 6:50 h, sábados e domingos, 14 h.

Faça gratuitamente o Curso Bíblico que oferecemos.
Solicite pelo email: pacostapinto@hotmail.com
ou avozeaverdade@gmail.com

BATISMO NA PARAÍBA, SEGUINDO A ORDEM DO MESTRE; EM NOME DO SENHOR JESUS

No último sábado (16/02/2013), em João Pessoa-PB, informa o irmão Heráclito Fernandes da Mota, para a honra e a glória do Deus único e verdadeiro se constatou a visita do Irmão Fábio Amaro, de Natal-RN, o qual oficiou o batismo da jovem MARIA LUÍZA, a qual tem sido uma benção ao nosso grupo na condução das crianças em adoração ao Deus único.
Conforme as Escrituras Sagradas o Batismo deve ser realizado em nome do Senhor Jesus, nunca em nome da trindade, conforme estabelecem as regras do Ecumenismo ditadas por Roma.
Seguem em anexo as fotos do evento.
01_717x53804_717x53805_717x53806_717x53808_717x53809_717x53811_717x53812_717x53814_717x53817_717x53818_717x53819_717x538
“O SENHOR TE ABENÇOE E TE GUARDE”

PROFECIA GUARDADA NO VATICANO PREVÊ QUE O PRÓXIMO PAPA SERÁ O ÚLTIMO E MARCARÁ A DESTRUIÇÃO DA IGREJA CATÓLICA; PARA ESPECIALISTA, É O SINAL DO FIM DOS TEMPOS

papaBentoXVI

Após o anúncio de Bento XVI de que irá renunciar ao papado no próximo dia 28 de fevereiro, alguns cristãos pararam para refletir a respeito das profecias do apocalipse e de um santo católico, chamado São Malaquias, que lista o próximo líder da Igreja Católica como o úlitmo a exercer o mandato como Papa.

Papa Bento XVI

Os textos de São Malaquias estão expostos no Vaticano, e tratam da sucessão dos Papas. Em suas previsões, o santo católico atribuiu pequenas frases como síntese do mandato de diversos papas, listados em sequência por ele.

Em 1139, ele divulgou uma lista com 112 pontífices que assumiriam o posto de líder máximo da igreja romana após o término do do pontificado do então Papa Celestino II, que ocorreu em 1143.

Há grandes similaridades entre as frases atribuídas por São Malaquias aos três papas mais recentes, e seus mandatos na prática.

Sobre João Paulo I, o 109º Papa da lista, a frase usada pelo santo para definir o mandato foi “De Medietate Lunae” (Da Meia-lua, em tradução do latim). A semelhança está no fato de que o nome do Papa João Paulo I era Albino Luciani, que significa luz branca. Este Papa exerceu o pontificado por apenas um mês, e faleceu em 1978. Eventos significativos na vida do Papa ocorreram em noites de meia-lua, segundo informações do O Dia Online.

Já o Papa João Paulo II, que exerceu o pontificado até 2009, quando faleceu aos 92 anos, ocupou o 110º lugar na lista de São Malaquias, que definiu o santo padre que ocuparia este posto com a frase “De Laboris Solis”, que traduzido do latim significa “Do trabalho do sol”, e foi interpretado como “aquele que vem do leste ou como o papa de um grande e prolongado trabalho”. Karol Józef Wojty?a, seu nome de batismo, nasceu na Polônia e exerceu o pontificado por 27 anos, o terceiro mais longo da história da Igreja Católica.

O 111º Papa da lista de São Malaquias, Bento XVI, foi definido como “Gloria olivae”, que significa “Glória das oliveiras”, um lema que faz associação à ordem fundada por São Bento, e que usa a oliveira como símbolo. O texto de São Malaquias indica que o pontificado do 111º Papa seria comparado ao de Bento XV, o 104º da lista e que ficou marcado como um adepto da paz, apesar de não ter conseguido evitar a Primeira Guerra Mundial.

A profecia diz ainda que o 111º Papa, Bento XVI, não conseguiria conter uma terceira grande guerra, que seria travada por nações árabes contra a região em que atualmente ficam os Estados Unidos da América, e na sequência, contra a Europa e a África. São Malaquias escreveu ainda que o 111º Papa seria morto durante essa guerra, em algum momento entre os anos de 2009 e 2010, o que não ocorreu.

Na lista de São Malaquias, o 112º Papa é o último listado e definido com um nome, ao invés de uma frase: “Petrus Romanus”, que significa Pedro, o Romano, nome do primeiro bispo de Roma, o apóstolo Pedro. Segundo a profecia de São Malaquias, o pontificado deste Papa terminará com o Juízo Final e o fim da Igreja Católica: “Pedro, o Romano, que vai alimentar as ovelhas através de muitas tribulações, após as quais a cidade das sete colinas será destruída e o juiz tremendo julgará o seu povo. Fim”, diz o texto, publicado na Wikipedia.

A interpretação de que o próximo Papa será o último da Igreja Católica também é compartilhada pelo estudioso Luiz Carlos Fernandes.

Entretanto, a interpretação de Fernandes para as profecias registradas na Bíblia compreende que o novo Papa será o anticristo: “Após a saída de Bento XVI que é o sétimo Rei e Papa, o Vaticano se dividirá em quatro governantes. Somente após isso virá o oitavo Rei e Papa. Na verdade não será humano, será um demônio personificando o falecido Papa João Paulo II, que com certeza foi o mais famoso em todos os tempos. Ele supostamente ressuscitará voltando da morte para a vida. Ele sim será o oitavo Rei e Papa o verdadeiro anticristo que a Bíblia revela e levará o mundo a perdição (Apocalipse 17)”, diz, fazendo referência ao fato de que desde a instituição do Vaticano como Estado, o novo Papa será o oitavo a ser eleito pelo conclave.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+ em 11 de fevereiro de 2013
Tags: Anticristo, Apocalipse, Bíblia Sagrada, Concílio Vaticano II, fim dos tempos, Igreja Católica, Juízo Final, luiz carlos fernandes, Papa Bento XVI, papa joão paulo II, Profecia, renúncia do Papa, São Malaquias, Vaticano

Traduzir Site »