Header
Header
Header
Header
Header

O SAL E A LUZ DESTE MUNDO

abril 10th, 2013 | Posted by Paulo Pinto in Artigos

SAL E LUZ
Yahushua nos disse que somos o sal desse mundo: “Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens”. [Mattityahu (Mateus) 5: 13] Em poucas palavras nosso Mashiach nos diz que somos o tempero, que somos a essência, e que devemos nos manter assim, pois do contrário para nada serviremos, ou seja, devemos sempre demonstrar a verdade, doa a quem doer, ou seremos pisados pelos homens.

Mas, o que significa isso?

Num mundo onde a mentira e a falsidade imperam o verdadeiro discípulo deve sempre dizer a verdade, pregar o verdadeiro evangelho, doa a quem doer. Num mundo onde os homens que se dizem “cristãos” pregam o ecumenismo, a relatividade, o humanismo, o egocentrismo, a psicologia, a prosperidade material, o mundanismo nas igrejas, sinais e prodígios, deixando de lado a santificação dos santos, esquecendo-se do arrependimento e enaltecendo ao homem, temos que ser porta-vozes de Ulhim e sem medo de disseminar o evangelho de Yahushua HaMashiach sem retirar ou acrescentar nenhum “til” da Lei e os profetas. O discípulo não deve preocupar-se em ser politicamente correto, mas sim em satisfazer a vontade de Ulhim, seguindo o exemplo de Seu Mashiach nosso amado Mestre e exemplo Yahushua HaMashiach.

Lembremos das palavras do ministro Shaul (Paulo): “Eu não tenho o direito de ficar orgulhoso por anunciar o evangelho. Afinal de contas, fazer isso é minha obrigação. Ai de mim se não anunciar o evangelho!” [Qorintyah Alef (1Coríntios) 9:16] e ainda: “Porque, persuado eu agora a homens ou a Ulhim? Ou procuro agradar a homens? Se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de HaMashiach… Fiz-me acaso vosso inimigo, dizendo a verdade?”. [Galutyah (Gálatas) 1:10 e 4:16]

Assim estaremos sendo o sal da terra e não nos tornaremos insípidos

Nosso Mashiach nos diz também: “Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa. Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Ulhim, que está nos céus”. [Mattityahu (Mateus) 5: 13-16]

O nosso exemplo em santidade e obediência a Yahuh e às Suas Vontades, Leis e Mandamentos pode iluminar a muitos e assim fazer com que glorifiquem e sirvam a Ulhim. O contrário disso, como temos presenciado na cristandade, afasta a muitos que, ao terem conhecimento de tantas notícias escabrosas procedentes do mundo dito evangélico/católico/messiânico/judaico, já perceberam o engodo dessas religiões humanas procedentes do cristianismo romano que só procuram satisfazer a carnalidade da humanidade em nome de Ulhim, principalmente para seu próprio proveito: “… homens corruptos de entendimento, e privados da verdade, cuidando que a piedade seja causa de ganho; aparta-te dos tais”. [Timtheous Alef (1Timóteo) 6: 5] “Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te”. [Timtheous Bet (2Timóteo) 3: 5]

Portanto se você leitor for um candidato, a verdadeiro discípulo do Mashiach, deve ter a consciência de que: “… Mais importa obedecer a Ulhim do que aos homens”. [Maaseh Shlichim (Atos) 5: 29] e assim estará sendo o sal e a luz do mundo!
FONTE:Boletim Caminho de Luz, 57/2013.
Presbítero Sérgio
A CONGREGAÇÃO
www.acongregacao.org.br

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 You can leave a response, or trackback.

Deixe uma resposta