O que pode estar por trás da vontade quase inexplicável de fiéis entregarem dízimos e até tudo o que tem a suas igrejas, mesmo que na Bíblia Deus não exija isso?

Clique aqui e ouça o áudio do Programa A Voz e A Verdade_1a parte. Reflita, Partilhe com amigos para não serem mais enganados pelo sistema “religioso” que deixou a verdade e não conta isso a ninguém.

Clique aqui e ouça o áudio do Programa A Voz e A Verdade_2a parte. Reflita, Partilhe com amigos para não serem mais enganados pelo sistema “religioso” que deixou a verdade e não conta isso a ninguém.

Eu gostaria de falar coisas agradáveis aos ouvidos, 1) de que a prosperidade é certa para que é dizimista, mesmo a Bíblia mostrando que o dízimo vigorou para o povo do país Israel até à cruz de Cristo, quando teve fim o sacerdócio levítico; mas não posso fazer isso. 2) Dizer que Deus perdoa sempre, mesmo a quem não quer saber dEle, ainda que eu saiba que Deus faz tudo de bom para todos, mas a misericórdia de Deus tem limite; 3) Dizer que o domingo é o novo dia de guarda dos cristãos, mas não posso falar isso, por que não existe nem um verso na Bíblia que afirme que o santo Sábado foi mudado para o domingo; 4) Gostaria de falar algo agradável para muitos que Deus é um conjunto de 3 pessoas co-iguais e co-eternas, conforme foi decidido nos concílios romanos de Niceia, em 325 d.C. e em Constantinopla, em 381 d.C., mas não posso ensinar isso, porque Jesus e os apóstolos ensinaram que há um só Deus verdadeiro, o Pai, João 17:3, I Cor. 8:6, I Tim. 2:5, etc, ao ponto de o apóstolo Paulo escrever que Jesus tem um Deus, Efésios 1:17, vc pode conferir agora, vamos ler. Abra sua bíblia em Efésios 1:17 e depois em Apocalipse 3, verso 12, palavras do próprio Jesus.

Há algum tempo eu e minha esposa nos encontramos nesta cidade com uma amiga religiosa, que estava muito triste porque seu pai, que era membro de uma certa igreja, ouviu algumas mensagens em sua igreja e foi convencido a ofertar a sua casa de morada. Muito estranho, não é? Ela nos contou que ele levou a escritura e o pastor não aceitou, pedindo-lhe que vendesse a casa e trouxesse o dinheiro.  A nossa amiga, muito triste, nos disse que achava que ele não havia aceito a escritura, pois talvez pensasse ser difícil vender e ter problema com os herdeiros. Ela então nos contou muito mais triste ainda que seu pai terminou vendendo a casa e entregando o dinheiro à sua igreja. Contou ainda que depois disso, lhe bateu uma depressão e arrependimento profundos, ao ponto de ele ter tirado a própria vida enforcado. Triste história, não é? Me comoveu muito.

A pergunta que fica é: O que pode levar uma pessoa em são juízo a fazer tal bobagem e chegar a um fim tão triste?

No próximo programa lhe darei a resposta com base na Bíblia e no livro de Jaime Francisco de Moura, fruto de um estudo que ele fez nas igrejas. Aguarde.

“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”, palavra do filho único do Deus único e verdadeiro o Pai em João 8:32. Amém, Aleluias.

 

2a parte:

Em programa anterior lhe falei que até gostaria de falar coisas agradáveis aos ouvintes, como: 1) prosperidade certa para dizimistas, mas, não posso porque o dízimo findou para o povo do país Israel na cruz de Cristo, junto com o sacerdócio levítico; 2) Dizer que Deus perdoa sempre, mas não, porque a misericórdia de Deus tem limite; 3) Dizer que o domingo é o novo dia de guarda dos cristãos, mas não posso falar isso, por que em toda a Bíblia o Sábado é o santo dia do Senhor e nunca foi mudado para o domingo; 4) Gostaria de poder agradar aos adoradores da trindade, maioria dos ditos cristãos, mas não posso ensinar isso, porque a Bíblia ensina que Jesus tem um Deus e Jesus ensinou que vida eterna consiste em crer nesse único Deus verdadeiro, o Pai, João 17:3, e crer em Jesus como o filho desse Deus. I Cor. 8:6, I Tim. 2:5, Efésios 1:17, Apocalipse 3:12, palavras do próprio Jesus.

Contei a triste história de um crente que vendeu sua casa de morada, entregou o dinheiro ao pastor e, depois teve uma tristeza e uma depressão tão profundas que se enforcou.

A pergunta que ficou foi: O que pode levar uma pessoa em são juízo a fazer tal bobagem e chegar a um fim tão triste? O que faz milhões de pessoas hoje sustentar com seus recursos igrejas que as estão conduzindo para a perdição, na medida que ensinam quase tudo ao contrário do que Jesus e a Palavra de Deus ensinam?

A Bíblia e o livro de Jaime Francisco de Moura, que tenho aqui em minha mão, fruto de um estudo que ele fez nas igrejas, responde.

Jesus disse: “…em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos dos homens”. Mateus 15:9.

Jaime Francisco de Moura em seu livro, página 13, cita Hank Hanegraaff, renomado escritor cristão norte americano que afirma estar havendo falsos profetas usando técnicas de lavagem cerebral e hipnose para enganar as pessoas.

E que essas técnicas não são usadas em igrejas protestantes históricas, mas, sim, em enominações pentecostais e neopentecostais. O autor do livro resguarda algumas igrejas que adotam vários dogmas católicos.

Portanto, essas são algumas das explicações desse fenômeno lamentável de alguém, com a cabeça feita por lavagem cerebral e técnicas de hipnose, onde as pessoas, hipnotizadas, seguem o líder, entregam seus bens a ele e defendem sua denominação a qualquer custo, enganados de que quando alguém fala contra, isso é perseguição já prevista na Bíblia.

“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”, palavra do filho único do Deus único e verdadeiro o Pai em João 8:32. Amém, Aleluias.

Veja também:

O DÍZIMO NO VELHO TESTAMENTO E O DADIVAR NO NOVO TESTAMENTO

http://aodeusunico.com.br/?s=d%C3%ADzimo]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Traduzir Site »