Header
Header
Header
Header
Header

MELHOR TRADUÇÃO PARA ATOS 20:28

outubro 26th, 2013 | Posted by Paulo Pinto in Artigos

Autor: Valdomiro Filho
http://www.unitarismobiblico.com/1/?p=714

Veja também:

A MELHOR TRADUÇÃO PARA ATOS 20: 28

A versão Almeida, assim como outras, traduz esse texto da seguinte forma:

“Cuidai pois de vós mesmos e de todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja de Deus, que ele adquiriu com seu próprio sangue.”

Algumas versões antigas até mesmo chegam a traduzir “igreja do Senhor”, em vez de “igreja de Deus”. Assim, ficaria fácil o entendimento do complemento “com seu próprio sangue”. Entretanto, nos melhores e mais antigos manuscritos encontramos “igreja de Deus” e, então, o entendimento lógico seria ‘sangue de Deus’.

Mas, apesar de gramaticalmente ser possível essa opção de tradução, nem todos os tradutores a apóiam. Vejamos dois exemplos de tradução:

“…, por meio do sangue do seu próprio Filho” – Bíblia na Linguagem de Hoje – SBB.

“…, pelo sangue do seu próprio Filho.” – Bíblia de Jerusalém.

As palavras originais tou idiou vem após frase “com o sangue”, podendo a frase inteira ser traduzida por “com o sangue do seu próprio”. Surgiria, então, a necessidade de um substantivo após essa frase. Sobre isto diz J. H. Moulton em A Grammar of New Testment Greek, p. 90: “Antes de abandonarmos í.di.os, deve-se dizer algo sobre o uso de ho ídios sem um substantivo expresso. Isto ocorre em João 1:11, 13:1, Atos 4:23 e 24:23. Nos papiros encontramos o singular usado neste modo como termo de carinho para com parentes chegados.”

Portanto, assim como ocorre em textos de difícil tradução, a melhor versão deve ser aquela que está de acordo com a linguagem comum dos apóstolos, os quais costumeiramente distinguem Deus de seu Filho, Jesus Cristo, que derramou seu sangue para a nossa redenção.

Graça e paz a todos, da parte de Deus, nosso Pai, e de nosso Senhor Jesus!

Adriano Campelo

Manaus/AM

adriano.campelo@bol.com.br

Nosso comentário:
Jesus, após a sua ressurreição afirmou que “Todo o poder lhe foi dado no céu e na terra”, Mat. 28:18.
Em Atos 2:32 e 33, lemos:
“Deus ressuscitou a este Jesus, do que todos nós somos testemunhas.
De sorte que, exaltado pela destra de Deus, e tendo recebido do Pai a promessa do Espírito Santo, derramou isto que vós agora vedes e ouvis”. Atos 2:32-34.
O Pai derramou sobre Cristo, a plenitude de Seu Espírito Santo, o qual Cristo derramou sobre os discípulos.
Tal a plenitude do Espírito em Cristo, que o escritor de Atos, como que designa a Cristo de Espírito Santo, ou Espírito de Deus (a fonte é Deus, o Pai), ou Espírito de Cristo (recebido do Pai), pois foi Cristo quem primeiramente constituiu bispos para apascentarem a Igreja de Deus.

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 You can leave a response, or trackback.

3 Responses



Deixe uma resposta