Header
Header
Header
Header
Header

LIVRE DAS MALDIÇÕES DOS PÚLPITOS: SAÍ DO SISTEMA E SOBEVIVI

outubro 6th, 2012 | Posted by Paulo Pinto in Artigos

“Saiam dela, vocês, povo meu, para que vocês não participem dos seus pecados, para que as pragas que vão cair sobre ela não os atinjam!” Apocalipse18.4

(Se você está satisfeito com sua religião, com seu grupo religioso, ótimo, este post não é para você. Mas respeite os insatisfeitos, porque a dor deles é muito grande e você não faz ideia de como é isso. Já que você não fez o dever de casa* (leia abaixo) e não está disposto a se colocar no lugar do outro, tenha pelo menos dignidade de se calar.)

Aos insatisfeitos

Por muito tempo nós acreditamos nas maldições que os líderes religiosos fazem para aqueles que se atrevem a questionar alguma coisa. Eles vivem dizendo que quem sair do sistema vai esfriar, porque brasa longe da fogueira apaga, ou que “não se pode deixar a congregação, como é costume de muitos”, citando o texto bíblico favorito deles, ou dizem que todas as maldições possíveis vão cair sobre a pessoa que não der o dízimo… enfim, maldição não falta. Isso para mim é coisa de sociedade secreta ou de certos grupos que ameaçam a pessoa que quer sair.

Se você não aguenta mais o sistema religioso, se está cansado de tudo, mas não vê uma saída, se você quer sair pelos motivos certos, ou seja, buscar mais do Pai, sem intermediários que não dão testemunho, se você quer mais do Eterno, mas sente que o sistema impede isso, se está cansado de tantos eventos vazios e sermões ameaçadores e capitalistas, não tenha medo.

Você é livre para sair do sistema. Você não precisa acreditar nas maldições dos líderes religiosos. Acredite, há vida fora do sistema religioso. Existe uma alternativa entre igreja e mundo. Não acredite nas maldições, seja livre, tenha coragem e saia.

Não, você não vai ficar falido se não der o dízimo a uma instituição religiosa. Não, a sua fé não vai esfriar, a não ser que você permita, a não ser que você pare de buscar a comunhão com o Eterno. Não, você não precisa de cobertura espiritual, isso não está na Bíblia. Não, você não vai para o inferno se não frequentar uma “igreja”, porque não é igreja que salva.

Sim, você vai ser chamado de herege, mundano, apóstata, desviado etc. Sim, vão te perseguir, vão te condenar, mas o nosso Mestre já havia dito que isso aconteceria com quem ousasse segui-lo. Então, seja bem-vindo ao time dos que são perseguidos por amor ao Messias.

Estou fora do sistema há três anos e sobrevivi. E minha fé não esfriou, muito pelo contrário, tem aumentado a cada dia. E prosperidade vem através da obediência aos mandamentos, principalmente o quarto mandamento, guardar o sábado, e para os que pagam seus impostos com honestidade.

Conheço pessoas que estão fora do sistema há vinte anos e sobreviveram. Então, não tenha medo, você também vai sobreviver. Se está disposto a pagar o preço da perseguição para sair em busca da verdade, você vai sobreviver. E vai perceber que as maldições não vão mais funcionar com você. Seja livre das algemas do sistema religioso e viva.

Você não precisa ficar sozinho, se não quiser. Se seu cônjuge e filhos estão te apoiando e vivendo esse momento com você, então você já tem uma “igreja” dentro de sua casa, sua família. Invista nela. E pode procurar um grupo de amigos que também saíram do sistema e marcar encontros com eles, para conversarem e comerem juntos, compartilhando suas experiências com o Eterno. Mas não queria fazer disso uma outra igreja institucionalizada. Seja simples e viva essa experiência de simplicidade com o Pai.

Há salvação fora do sistema religioso, porque a salvação está no Messias e não no sistema.

P.S.: Se você reconhece que o sistema religioso (Babilônia) está errado (todo ele, tudo farinha do mesmo saco), mas não tem coragem de sair, porque continua na ilusão de que vai mudar alguma coisa (murro em ponta de faca), saiba que você é cúmplice dos seus pecados e ainda ajuda a financiar injustiça. Não adianta ficar postando frases nas redes sociais e não tomar uma atitude corajosa. Pede pra sair. “Saiam dela, vocês, povo meu, para que não participem de seus pecados, para que as pragas que vão cair sobre ela não os atinjam” Ap18.4.
FONTE: http://www.cartaaossemreligiao.blogspot.com.br/

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 You can leave a response, or trackback.

One Response

Deixe uma resposta