Header
Header
Header
Header
Header

A SIGNIFICATIVA SINCERIDADE DA IGREJA CATÓLICA

junho 27th, 2013 | Posted by Paulo Pinto in Artigos

última chance
“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” disse Cristo, o filho único do Deus único para alertar a você e a mim, para que não sejamos mais escravos do pecado nem de sistemas religiosos afastados da verdade.

“Mas, em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos dos homens”. Palavras magistrais de Cristo em Mateus 15:9.

Em matéria anterior comentamos DECLARAÇÕES FORTES DA IGREJA CATÓLICA QUE DÃO O QUE PENSAR AOS EVANGÉLICOS.
A Igreja Católica tem a grande virtude, que falta em muitas concorrentes, a da sinceridade manifesta em público quanto aos dogmas e doutrinas que defende. Muitas denominações mudam suas doutrinas/dogmas e não explicam aos membros por que o fez. Qual a diferença entre dogma e doutrina?
Dogma é um ensinamento da igreja, independente de ter sido revelado nas Escrituras sagrada e que não admite contestação.
Doutrina é um ensinamento Bíblico, claro, inequívoco.
Por exemplo: sobre a guarda ou santificação do domingo temos um vídeo que está no Youtube e em www.aodeusunico.com.br que mostra um bispo católico falando claramente que tem oferecido repetidas vezes mil dólares para quem possa mostrar exclusivamente pela Bíblia que o dia de guarda deixado por Deus é o domingo. Acrescenta, que nas escrituras sagradas o dia de repouso sagrado é o Sábado e não o domingo e até mo momento ninguém lhe apareceu para reclamar o dinheiro.
Fala ainda que a Igreja Católica mudou o dia de guarda do sábado para o domingo “pela sua virtuosa missão divina” desde o Concílio de Odisséia da ICAR em 336 DC e que por mais de 1000 anos antes da existência dos evangélicos fez a mudança do dia de guarda que hoje é seguido pela maioria das denominações.
Em outros documentos, publicados em aodeusunico.com.br a ICAR acrescenta: “O domingo é a marca de nossa autoridade. A Igreja está acima da Bíblia e a transferência da prática do descanso sabático é a prova desse fato”. “A observância do domingo pelos protestantes é um respeito que eles demonstram, a despeito de si próprios, à autoridade da Igreja (católica).” No programa de sábado pela rádio Juazeiro (www.rádiojuazeiro.com.br) às 14h lhes falaremos sobre o que dia a ICAR sobre o dogma da trindade e sobre a obediência dos evangélicos a esse dogma.
Então meu irmão, minha irmã, meu amigo, minha amiga, você percebe a sinceridade da Igreja Católica ao assumir de público sua autoridade em modificar, inclusive as Sagradas Escrituras por sua “virtude divina”? Como você e eu somos seres inteligentes criados à imagem e semelhança de Deus, cabe decidir de que lado ficar: Se com a Igreja Católica, você tem todo o direito de assim escolher, ou do lado dos evangélicos que seguem os dogmas resultantes das decisões dos Concílios católicos e fazendo parte do Ecumenismo que dá status, poder temporal, força no presente século ou ao lado de Cristo, o divino filho único do Deus único e verdadeiro, o Pai (João 17:3, I Cor. 8:6), nosso salvador, aquele que morreu na cruz para salvar a você e a mim, o mesmo que afirmou: Mas, em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos dos homens.Mateus 15:9.
É isso que está diante de você e de mim. Deus nos guie ao fazermos a nossa decisão agora mesmo. Amém, Aleluia.

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 You can leave a response, or trackback.

Deixe uma resposta