3 Perguntas Que não Querem Calar Após Recente Assinatura de Mais Um Pacto de Amizade IASD – ICAR

A iasd, tristemente, lamentavelmente, voltou ao Egito.

Veja no link a seguir os documentos mostrando a IASD como membro do CMI, camufladamente, através da ISLA (criada por ela) , e sendo não só um “simples” membro, MAS, assessora do Papa.

http://aodeusunico.com.br/e-ou-nao-ecumenica-inacreditavel-profecia-de-ellen-white-se-cumprindo-em-nossos-dias/

No link https://www.facebook.com/watch/?v=599787157425535,           você verá dois vídeos mostrando o “pastor” adventista do 7o. dia Ganouni Diop em reunião solene com o Papa, sujando as mãos (ou apenas mantendo-as sujas) com sangue inocente derramado em todos os tempos pelo poder apóstata.  Veja n link a seguir https://www.facebook.com/watch/?v=599787157425535        http://www.adventistas.com/2019/11/15/14-perguntas-que-o-agente-jesuita-na-iasd-ganoune-diop-recusa-se-a-responder/        http://www.adventistas.com/2020/10/24/ganoune-diop-comemorou-o-dia-do-desapontamento-com-elogios-a-enciclica-papal/     

Veja também:

Clique na imagem acima ou aqui e veja a reportagem com todos os documentos oficiais da empresa religiosa, expondo ao Planeta sua postura de camaleão, para não assustar os sinceros, aos ingênuos e aos que lhe amam mais do que à verdade.

FICAM NO AR 3 PERGUNTAS QUE NÃO QUEREM CALAR, a despeito do muxoxo da Divisão Europeia: 1) O PACTO DE AMIZADE IASD-ICAR ASSINADO PELO AMIGO DE TED WILSON FOI ANULADO? 2) O JEITOSO “PASTOR” FOI EXCLUÍDO DO ROL DA IASD, POIS ATÉ ADORAÇÃO AO DEUS DE JESUS, – EF. 1:17, JOÃO 3:21-23,…- É MOTIVO PARA EXCLUSÃO DO ROL???? 3) A ANULAÇÃO DO PACTO E A EXCLUSÃO DO APÓSTATA FORAM DIVULGADOS AO MUNDO COM A MESMA INTENSIDADE QUE A ASSUNATURA ECUMÊNICA ENTRE FILHA E MÃE BABILÔNIA??????? SE QUALQUER DAS 3 PERGUNTAS TIVER RESPOSTA NÃO, O MUXOXO DA DIVISÃO EUROPÉIA NÃO PASSA DE UMA TREMENDA PALHAÇADA E DE PÉSSIMO GOSTO, POIS SÃO CONIVENTES COM A APOSTASIA E TENTAM POSAR DE SANTOS, ENCOBRINDO O QUE O MUNDO TODO JÁ SABE, E PIOR, AFRONTANDO AO DEUS DE JESUS E DE SEUS FIÉIS.

“IGREJA ADVENTISTA FAZ PACTO COM ROMA” – Esse é o título do documento que está circulando entre as redes sociais. Realmente o pastor Giovanni Caccamo (foto) assinou uma declaração conjunta com várias igrejas evangélicas e com a igreja Católica Romana. O pastor Giovanni da igreja adventista não tinha autorização para assinar um documento ecumênico. Os líderes da Divisão Inter-Européia não sabiam desse documento e acharam estranho a atitude do pastor Giovanni.

Como o pastor Giovanni pode assinar um documento sabendo que a profecia do capítulo dezessete do Apocalipse revela o mistério da mulher e da besta que a carrega. O papado, desde o seu início (538) foi à menina dos olhos de Satanás, recebeu dele o trono e o poder. Satanás usará o papado até não poder mais. Esse pastor deve saber (ou precisa fazer novamente a faculdade de teologia) que o papado é um instrumento poderoso nas mãos de Satanás para anular a Lei de Deus na Terra, estabelecer a Abominação Desoladora dos últimos dias, o decreto dominical, e perseguir o remanescente fiel. Depois disso, revela a Bíblia e o Espírito de Profecia, a besta papal será descartada e o próprio Satanás, será adorado como se fosse Jesus.

O pastor Giovanni Caccamo deve dar explicações a Divisão Inter-Européia, porque o cenário profético de Apocalipse 13 mostra o mundo todo sendo forçado pelos Estados Unidos (Apocalipse 13:11) a adorar o papado e receber o seu sinal na testa ou na mão (Apocalipse 13:16-17).

RESPOSTA DOS LÍDERES DA DIVISÃO INTER-EUROPÉIA DA IGREJA ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA

Veja a resposta dos líderes da Divisão Inter-Européia ao pastor Giovanni Caccamo:

Líderes da Igreja Respondem ao Pastor Local Italiano Assinando Carta Ecumênica. Os líderes da Divisão Inter-Européia afirmam a posição adventista de longa data sobre o assunto. A seguir, é apresentado um comunicado de imprensa da Divisão Inter-Européia de Adventistas do Sétimo Dia, datada de 24 de fevereiro de 2020.

“No sábado, 25 de janeiro de 2020, o pastor de uma congregação da igreja local na Itália assinou uma declaração conjunta com outros grupos religiosos que, embora focados no diálogo respeitoso entre e entre diferentes denominações religiosas, continham algumas declarações contrárias aos adventistas do sétimo dia. Princípios relativos às relações entre igrejas.

A administração da Divisão Inter-Européia (EUD) desaprova a assinatura da Carta Ecumênica e reafirma sua posição com relação ao envolvimento de entidades e representantes da Igreja em empreendimentos ecumênicos.
Como resultado, os oficiais da EUD desejam esclarecer o envolvimento de pastores e líderes adventistas do sétimo dia em reuniões e eventos com representantes de outros órgãos religiosos.

A EUD incentiva todas as suas entidades a respeitar e oferecer educação sobre os valiosos princípios contidos na Bíblia, nos escritos de Ellen G. White e nos vários documentos e declarações produzidos pela Igreja Adventista a respeito de nosso relacionamento com outras pessoas, religiões e denominações. Confirmamos que:

1. “A Igreja Adventista favorece o diálogo e as relações cordiais de respeito e entendimento mútuos com outras confissões religiosas em todos os níveis da organização da igreja”.

2. “Estamos plenamente convencidos e defendemos fortemente que a liberdade de consciência e liberdade religiosa é um direito inerente a todos os seres humanos, não como algo que reivindicamos apenas para nós, mas como um direito a ser concedido a todos, mesmo àqueles que pensam diferente de nós”

3. “Diálogo e entendimento mútuo não significam, no entanto, concordar com os outros apenas para garantir relacionamentos cordiais”.

4. “Nossas crenças fundamentais foram cuidadosamente e minuciosamente construídas sobre o fundamento seguro da Bíblia. Essas declarações de fé definem nossa identidade como igreja e devem sempre ser mantidas como nossa marca registrada”.

5. “Como representantes da Igreja Adventista, devemos falar claramente em nome da comunidade que representamos. Portanto, não devemos negociar ou fazer concessões a respeito de algo que contrarie os princípios de nossa igreja e suas crenças fundamentais”.

Agradecemos a declaração da União Italiana de Igrejas publicada em 31 de janeiro. Isso demonstrou claramente que o evento em Bolonha não altera a posição oficial da Igreja Adventista na Itália.

DECLARAÇÃO DA UNIÃO ITALIANA DA IGREJA ADVENTISTA

Declaração da União Italiana da Igreja Adventista do Sétimo Dia:

“Estamos cientes do desconforto, e decepção que surgiram das notícias sobre um evento ecumênico no qual o pastor adventista do sétimo dia Giovanni Caccamo participou e durante o qual assinou um documento intitulado ‘Charta Ecumenica di Bologna’”.

“Este evento e a assinatura do documento não representam a posição da União Italiana. Como oficiais da União Italiana, não tínhamos conhecimento desse programa, que era uma iniciativa local do pastor de Bolonha. Lamentamos a situação que se seguiu.
Como oficiais e líderes da igreja, agradecemos e apoiamos todas as iniciativas que nos permitem testemunhar nossa fé com respeito e amizade. É nossa intenção garantir que nossa voz seja ouvida em todas as reuniões, tanto ecumênicas quanto outras, para que nossa fé possa ser compartilhada com outras pessoas”.

“No entanto, nos distanciamos de qualquer afirmação que mina nossa liberdade evangelística ou que nos leva a nos conformar com as decisões tomadas por outros sob a direção de uma igreja. Não podemos e não reconheceremos a autoridade dessa igreja sobre nossas escolhas”.

“Portanto, mesmo que o documento assinado possa ter boas intenções como um todo, e apesar de reconhecermos as boas intenções que o inspiraram – estabelecer um diálogo pacífico e respeitoso entre e com as diferentes denominações religiosas da região – em algumas partes não reflete a posição oficial da Igreja Adventista do Sétimo Dia”.

“Consciente disso, nos distanciamos deste documento.
Que o Senhor nos ajude a ser boas testemunhas da fé e graça recebidas em Cristo, sabendo que nossa missão nunca deve ser condicionada por nenhuma organização ou poder terrestre”. (Oficiais da União Adventista Italiana do Sétimo Dia – A versão original deste comunicado de imprensa foi publicada no site de notícias da Divisão Inter-Européia .Por: Notícias da Divisão Inter-Européia e Revisão Adventista) (Foto: Divulgação).

JESUS NÃO RECOMENDOU NENHUMA RELIGIÃO. JOÃO 14:6.

SE ELE É O (ARTIGO DEFINIDO) CAMINHO, SIGAMOS A CRISTO E AO SEU DEUS E PAI. APOC. 14:12.

APOC 18:4

“A IGREJA ADVENTISTA NÃO PODE SER TRATADA COMO UMA SEITA” AFIRMAM ADVENTISTAS E CATÓLICOS NA POLÔNIA”. PACTO DE AMIZADE JÁ CONFIRMADO PELO PAPA BENTO XVI

Esse foi um pacto gigantesco feito pela IASD e a ICAR no ano 2000, já confirmado por Bento XVI, na mesma igreja Luterana da “santíssima trindade” em Varsóvia, Polônia, a qual eu visitei em 2014, para verificar de perto….

NESSE TEMPLO A IGREJA ADVENTISTA, IASD, SE PROSTITUIU

Veja também:

Site do Vaticano confirma presença adventista em reunião ecumênica com o Papa Francisco:

http://www.adventistas.com/2019/06/17/site-do-vaticano-confirma-presenca-adventista-em-reuniao-ecumenica-com-o-papa-francisco/

O Papa à delegação da Comunhão Mundial Cristã: ecumenismo de oração, jornada e sangue, 12.10.2016

 

Esta manhã, antes da audiência geral e na sala adjacente à Sala Paulo VI, o Papa recebeu em audiência os participantes da Conferência dos Secretários das Comunhões Mundiais Cristãs, a associação ecumênica internacional que se reúne anualmente em outubro, cada ano em diferentes país, para melhorar a consciência mútua. É composto pela Comunhão Anglicana, a Aliança Batista Mundial, o Conselho Consultivo Ecumênico dos Discípulos, o Patriarcado Ecumênico (Ortodoxo Oriental), a Conferência Geral dos Adventistas do Sétimo Dia, a Conferência Internacional dos Antigos Bispos Católicos, a Fundação Luterana Mundial, o Conferência Mundial Menonita, Conselho de Unidade Mundial da Igreja Morávia, Patriarcado de Moscou (Ortodoxa Oriental), Pentecostais, Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade dos Cristãos (Igreja Católica), o Conselho Ecumênico Reformado, o Exército de Salvação, o Comitê Mundial de Amigos para Consulta (Quakers), a Convenção Mundial das Igrejas de Cristo, a Aliança Evangélica Mundial e o Conselho Metodista Mundial. Um representante do Conselho Mundial de Igrejas também costuma estar presente.

Em seu breve discurso, o Papa referiu-se a duas frases do Chefe da Delegação: “Jesus está conosco” e “Jesus caminha conosco”. “Essas frases me fizeram refletir e me colocaram duas questões: sou capaz de acreditar que Jesus está conosco? Sou capaz de caminhar com todos, juntos e também com Jesus? Muitas vezes pensamos que o trabalho ecumênico é apenas o de teólogos. Portanto, é importante que os teólogos estudem, eles concordem e expressem sua discordância: isso é muito importante. Mas, enquanto isso, o ecumenismo segue em frente. Viaja com Jesus, não ‘meu Jesus contra o teu Jesus’, mas com o nosso Jesus. O caminho é simples: consiste na oração, com a ajuda de outros. Orando juntos: o ecumenismo da oração, uns pelos outros e todos pela unidade. E então, o ecumenismo de trabalho para os muitos que precisam, para muitos homens e mulheres que hoje sofrem como resultado de injustiças, guerras, essas coisas terríveis. … Todos juntos devemos ajudar. Amor pelo próximo. Isso é ecumenismo. Isso já é unidade. Unidade no caminhar com Jesus ”.

O Santo Padre acrescentou que existe uma outra forma de ecumenismo que tipifica nossa época: o do sangue. “Quando terroristas ou potências mundiais perseguem minorias cristãs ou cristãos”, observou, “não perguntam: ‘Você é luterano? Você é ortodoxo? Você é catolico? Você é reformado? Você é pentecostal? ‘ Não. ‘Você é cristão’. Eles reconhecem apenas um: o cristão. O inimigo não está errado: ele reconhece onde encontrar Jesus. E esse é o ecumenismo de sangue. Hoje somos testemunhas disso, e penso nos irmãos ortodoxos degolados nas praias da Líbia, por exemplo: são nossos irmãos. Eles deram testemunho de Jesus e morreram dizendo: ‘Jesus, ajuda-me!’. Com o seu nome: confessaram o nome de Jesus ”.

“Portanto, o ecumenismo na oração, o ecumenismo no nosso caminho e o inimigo nos ensina o ecumenismo do sangue. Obrigado, muito obrigado por esta visita ”.

FONTE:  https://press.vatican.va/content/salastampa/en/bollettino/pubblico/2016/10/12/161012a.html    

Agente de Roma infiltrado na IASD xinga seus críticos de inquisidores, promotores do discurso de ódio e da ira do dragão

Enquanto Ganoune Diop estava com o Papa, adventistas apoiavam romeiros no Brasil

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Traduzir Site »