Header
Header
Header
Header
Header

2A EDIÇÃO DA REVISTA TROMBETA UNITARISTA

junho 1st, 2016 | Posted by Paulo Pinto in Artigos

CAPA TROMBETA UNITARISTA 2A EDIÇÃO

Amados,
Publicamos aqui a edição número 2 da Revista Trombeta Unitarista.
Favor examinar, comentar, divulgar.
Link:
Edicao2 Completa Revisada
Faça o download da Revista em pdf clicando aqui pdf
Maranata
Escreva-nos: aodeusunico@gmail.com

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 You can leave a response, or trackback.

2 Responses

  • joel antiqueira says:

    ISAIAS-61-8-PORQUE EU, O SENHOR, AMA O JUIZO, ODEIO O QUE FOI ROUBADFO E OFERECIDO EM HOLOCAUSTO; PORTANTO, FIRMAREI EM VERDADE A SUA OBRA; E FARAI UMA ALIANÇA ETERNA COM ELES,
    Os profetas marcaram a história judaica por se oporem ao cerimonialismo religioso sustentado pela lógica sacrificial e pelo peleguismo sacerdotal. Eles forneceram conteúdos éticos à consciência política e ao tecido social.
    Os profetas encararam o rei para defender viúvas pobres. Amargaram a pobreza para denunciar desvios morais entre o povo.
    Os profetas eram moscas que atrapalhavam a sala do perfumista corrupto; suas palavras, E martelos que despedaçavam corações de pedra; seus olhos, faíscas do fogo consumidor da justiça. Suas vidas corriam perigo, não temiam descer em fossas cheia de fezes. Isaías
    3:14 O SENHOR entrará em juízo contra os anciãos do seu povo, e contra os seus príncipes; é que fostes vós que consumistes esta vinha; o espólio do pobre está em vossas casas. Não havia dinheiro que os comprasse.
    Os profetas desmascaravam personagens que ritualizavam a espiritualidade, CONTESTAVA promessas de paz e caminhavam na contramão do sucesso. Isaias- 10:30 Clama alto com a tua voz, ó filha de Galim! Ouve ó Laís! Ó tu pobre Anatote! (ISAIAS-10-33) Mas o Senhor, o Eterno, o Todo-Poderoso, derrubará e humilhará os assírios mais orgulhosos como se cortam os galhos altos de uma árvore ou como se derrubam árvores enormes, ISAIAS-32:7 Também todas as armas do avarento são más; ele maquina invenções malignas, para destruir os mansos com palavras falsas, mesmo quando o pobre chega a falar retamente.
    Os profetas detectavam os (crente de a parecia) no jogo do poder. Saiam do palácio para clamar no deserto. Mesmo sabendo que não seriam ouvidos,
    OS PROFFETA insistiam em prenunciar os despenhadeiros que a falta de amor abria. Prometiam trevas pela falta de ética e morte pelo egoísmo. Desprezados em vida,
    os profetas precisaram esperar que o futuro lhes desse razão. Mas mesmo assim perseveram sob ameaça de assassinato e eles não e lmejava cargos.
    Os profetas sentiram as dores divinas. Percebendo que a história descambava, se colocavam na brecha. Vendo que os acontecimentos fugiam do controle divino, vociferavam maldições. Os profetas sofriam, indignados com a banalização da vida e com a morte desnecessária de inocentes. Mais que porta-vozes do além, encarnavam o coração paterno de Deus.
    Os profetas foram sentinelas nas muralhas que protegiam as cidades, CONTRA A IDOLATRIA CONTRA O ABUZO DE PODER NÃO SO PELOS REIS, MAS PELOS RELIGIOSOS DA EPOCA, bússolas na incipiente ética primitiva, faróis da esperança futura. A NAÇÃO DE ISRAEL, Israel deve a eles sua permanência histórica mesmo tendo sido considerado uma Sodoma e se mostrado mais vil que os povos inumanos que o rodeavam. OS judeu só não desapareceu como esterco da história devido a Isaías, Ezequiel, Oséias e outros.
    Os profetas continuam necessários. Sem eles, as pedras clamam E Deus não fala, o futuro inexiste, toda a perspectiva se esgarça e a perfição se viabiliza. Nunca se precisou tanto deles, principalmente, agora, nesse protestantismo mercadologico pelo mercado e instrumentalizado pela ganância.



Deixe uma resposta