Header
Header
Header
Header
Header

LEIA EM
LEIA MAIS EM:

http://www.theguardian.com/film/2014/mar/12/frozen-gay-propaganda-christian-pastor-colorado

http://www.theguardian.com/film/2014/apr/25/frozen-disney-movie-word-god-banned-let-it-go-o

Na verdade a terra está contaminada por causa dos seus moradores; porquanto têm transgredido as leis, mudado os estatutos, e quebrado a aliança eterna. Isaías 24:5.

“Já na década de 1950, Jacques Ellul, filósofo francês, abordava essa discussão (
Le système technicien
, Paris: Calman-Levy, 1977):
Mais o progresso técnico cresce, mais aumenta a soma de efeitos imprevisíveis. Certos progressos técnicos criam incertezas permanentes e em longo prazo […] Processos irreversíveis foram já implementados, particularmente no campo do meio ambiente e da saúde. Os problemas ambientais são exemplares. Criados pelo desenvolvimento tecnológico desenfreado e irrefletido, necessitam sempre de novos instrumentos e técnicas para resolvê-los. Os problemas de saúde pública ou de segurança alimentar são sistematicamente reformulados de modo que possam receber soluções técnicas ao invés de soluções políticas. […] O sistema técnico gera mecanismos de exclusão social devido à própria Técnica. Ele marginaliza um número crescente de homens e mulheres que perdem progressivamente a capacidade de se adaptar à sofisticação das técnicas, de seguir o ritmo do trabalho e da vida social na sociedade tecnicista (
L’homme qui avait presque tout prévu
[O homem que havia previsto quase tudo], Paris: Le Cherche Midi, 1977).A Técnica não suporta o julgamento moral […] no domínio da tecnologia, tudo o que é da ordem do possível será um dia realizado, para o melhor ou para o pior; manipulações do genoma humano, inserção de
chips
eletrônicos no homem, armas destruidoras […]. A única questão é de saber em que escalas essas realizações serão conduzidas e em que medida as forças sociais conseguirão limitá-las”.
O LIVRO ESTÁ NO ENDEREÇO

LEIA AQUI
AO TODO SÃO 15 PARTES COM FARTO MATERIAL DOCUMENTADO.

PALAVRAS DE JESUS E DOS APÓSTOLOS QUE NOS DEVEM FAZER PENSAR SOBRE A DIVINDADE.
Jesus falou assim e, levantando seus olhos ao céu, e disse: Pai, é chegada a hora; glorifica a teu Filho, para que também o teu Filho te glorifique a ti;
Assim como lhe deste poder sobre toda a carne, para que dê a vida eterna a todos quantos lhe deste.
E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste. João 17:1-4.
Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? Por que te alongas do meu auxílio e das palavras do meu bramido? Salmos 22:1.
E, à hora nona, Jesus exclamou com grande voz, dizendo: Eloí, Eloí, lamá sabactâni? que, traduzido, é: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? Marcos 15:34.
Disse-lhe Jesus: Não me detenhas, porque ainda não subi para meu Pai, mas vai para meus irmãos, e dize-lhes que eu subo para meu Pai e vosso Pai, meu Deus e vosso Deus. João 20:17.
Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação; 2 Coríntios 1:3
O Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que é eternamente bendito, sabe que não minto. 2 Coríntios 11:31.

Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem.
1 Timóteo 2:5-6.
Aquele que tem, ele só, a imortalidade, e habita na luz inacessível; a quem nenhum dos homens viu nem pode ver, ao qual seja honra e poder sempiterno. Amém. 1 Timóteo 6:16.
12 A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu Deus, e dele nunca sairá; e escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém, que desce do céu, do meu Deus, e também o meu novo nome. Apoc. 3:12.
Revelação de Jesus Cristo, a qual Deus lhe deu, para mostrar aos seus servos as coisas que brevemente devem acontecer; e pelo seu anjo as enviou, e as notificou a João seu servo; Apocalipse 1:1.
E mostrou-me o rio puro da água da vida, claro como cristal, que procedia do trono de Deus e do Cordeiro.
No meio da sua praça, e de um e de outro lado do rio, estava a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a saúde das nações.
E ali nunca mais haverá maldição contra alguém; e nela estará o trono de Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão. Apocalipse 22:1-3.

capalivroatrindade
MASTURBAÇÃO E TRINDADE
BAIXE O ARQUIVO WORD E LEIA A PÁGINA 312 DO LIVRO “ADVENTISTA” A TRINDADE, DE AUTORIA DE WOODROW WHIDDEN, JERRY MOON E JOHN W. REEVE, EDITADO PELA CPB EM 2003, 2a. EDIÇÃO.
LEIA MAIS.

Os “teólogos” “adventistas” chegam ao ponto de escreverem “Por exemplo, de que modo a gratificação da realização sexual (ORGASMO) se combina com o ideal divino de mútuo amor submissivo?”Se o amor sexual centraliza seu sentido essencial na experiência da Trindade, de amor mutuamente expresso ENTRE os membros da Divindade E Suas criaturas,…”.
Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos. Romanos 1:22
Porque a sabedoria deste mundo é loucura diante de Deus; pois está escrito: Ele apanha os sábios na sua própria astúcia. 1 Coríntios 3:19

COMPARANDO-TRADUÇÕES-DA-BÍBLIA1
CLIQUE, BAIXE O ARQUIVO WORD E ABARA-O.
POR QUE A TRADUÇÃO QUE INSINUA SER JESUS O DEUS TODO PODEROSO E ÚNICO DEVE SER FALSA? PORQUE DISTORCE A ESSÊNCIA DO TEXTO SAGRADO, DESCARACTERIZA O VERDADEIRO DEUS DE JESUS, DOS PROFETAS, DOS APÓSTOLOS,…JOÃO 17:3, I COR. 8:6, I TIM. 2:5, 6:16, APOC. 3:12,…
DEUS NOS GUIE EM TODA A VERDADE E NOS LIVRE DAS CONTRAFAÇÕES DE SATANÁS.

ALINE BARROS- O RITUAL MAÇÔNICO # Pt 1

MAS OS ARTISTAS DE NA MIRA DA VERDADE, TAMBÉM O USAM.
SERIA APENAS COINCIDÊNCIA?
MIRA MAÇÔNICA

DSCN2083DSCN2105DSCN2119
Professor Paulo A. da Costa Pinto e sua esposa Rosilene Coimbra Costa Pinto no Jardim da tumba vazia de Cristo em Jerusalém (Março de 2012).
“Resposta: A ressurreição de Cristo é importante por vários motivos. Primeiro, é um testemunho do imenso poder de Deus. Acreditar na ressurreição é acreditar em Deus. Se Deus realmente existe, e se Ele criou o universo e tem poder sobre o mesmo, então Ele tem poder de ressuscitar os mortos. Se Ele não tem tal poder, Ele não é um Deus digno de nossa fé e louvor. Apenas Aquele que criou a vida pode ressuscitá-la depois da morte; só Ele pode reverter o horror que a morte é, e só Ele pode remover o aguilhão que é a morte e a vitória que pertence ao túmulo. Ao ressuscitar Cristo dos mortos, Deus nos faz lembrar de Sua absoluta soberania sobre a morte e vida.

Segundo, a ressurreição de Jesus é um testemunho da ressurreição de seres humanos, que é uma doutrina básica da fé Cristã. Ao contrário de outras religiões, o Cristianismo possui um fundador que transcende a morte e promete que os Seus seguidores farão o mesmo. Todas as outras (falsas) religiões foram fundadas por homens e profetas cujo fim foi o túmulo. Como Cristãos, podemos nos confortar com o fato de que o Filho de Deus se tornou homem, morreu pelos nossos pecados, foi morto e ressuscitou no terceiro dia. O túmulo não podia segurá-lO. Ele vive hoje e se senta à direita do Pai no Céu. A igreja viva tem um Cabeça vivo!

Em 1 Coríntios 15, Paulo explica em detalhe a importância da ressurreição de Cristo. Alguns em Corinto não acreditavam na ressurreição dos mortos, e nesse capítulo Paulo lista seis consequências desastrosas se a ressurreição nunca tivesse ocorrido: 1) pregar sobre Cristo seria em vão (v.14); 2) fé em Cristo seria em vão (v.14); 3) todas as testemunhas e pregadores da ressurreição seriam mentirosos (v.15); 4) ninguém poderia ser redimido do pecado (v.17); 5) todos os Cristãos que dormiam teriam perecido (v.18); e 6) Cristãos seriam os mais infelizes de todos os homens (v.19). Mas Cristo realmente ressuscitou dos mortos e é “as primícias dos que dormem” (v.20), assegurando-nos de que vamos segui-lO na ressurreição.

A inspirada Palavra de Deus garante a ressurreição do crente na vinda de Cristo para o Seu Corpo (a Igreja) durante o arrebatamento. Tal esperança e segurança são ilustradas em uma grande canção de triunfo que Paulo escreve em 1 Coríntios 15:55: “Onde está, ó morte, a tua vitória? Onde está, ó morte, o teu aguilhão?” Como é que esses versículos se relacionam com a importância da Ressurreição? Paulo responde: “o vosso trabalho não é vão” (v.58). Ele nos lembra que por sabermos que vamos ser ressuscitados a uma nova vida, podemos sofrer perseguição e perigo pela causa de Cristo (v.29-31), assim como Ele o fez, e assim como milhares de mártires por toda a história, que de bom grado trocaram suas vidas terrenas por vida eterna através da ressurreição.

A Ressurreição é a vitória triunfante e gloriosa para todo o crente em Jesus Cristo, pois Ele morreu, foi enterrado e ressuscitou no terceiro dia de acordo com as Escrituras. E Ele voltará! Os mortos em Cristo vão ser ressuscitados, e aqueles que permanecem vivos na Sua vinda vão ser transformados e receber corpos novos e glorificados (1 Tessalonicenses 4:13-18). Por que a ressurreição de Cristo é tão importante? Por ter demonstrado que Deus aceitou o sacrifício de Jesus a nosso favor. Ela prova que Deus tem o poder de nos ressuscitar dos mortos. Ela garante que aqueles que acreditam em Cristo não vão permanecer mortos, mas serão ressuscitados à vida eterna. Essa é a nossa abençoada esperança!”
FONTE:
Tens Perguntas? Questões Bíblicas Respondidas.
www.GotQuestions.org/Portugues

BENÇÃO
Lucas 1:39-45: “Toda esta passagem é como um canto lírico sobre a bem-aventurança de Maria. Em nenhum outro lugar podemos apreciar o paradoxo da bem-aventurança como na vida de Maria. A ela foi outorgado o privilégio de ser a mãe do Filho de Deus. Bem pôde encher-se seu coração de um trêmulo, assombrado e pasmada alegria. E entretanto, essa bênção ia ser a espada que atravessaria seu coração. Algum dia teria que ver seu filho pendente de uma cruz.

O ser escolhido por Deus quase sempre significa ao mesmo tempo uma coroa de alegria e uma cruz de tristeza. A verdade crua é que Deus não escolhe uma pessoa para sua tranqüilidade e comodidade nem para sua alegria egoísta, e sim para uma grande tarefa que exigirá tudo o que sua cabeça, coração e mãos possam dar. Deus escolhe uma pessoa para utilizá-la. Quando Joana d’Arc soube que sua hora estava perto, orou: “Só durarei um ano; usa-me como quiseres.” Quando se toma consciência disto, as tristezas e dificuldades que podem surgir no serviço de Deus não são motivos de lamentação; são nossa glória, porque tudo se faz e se sofre por Deus.

Quando Ricardo Cameron foi preso pelos dragões, mataram-no. Tinha mãos muito bonitas e as cortaram para mandá-las a seu pai com uma mensagem perguntando se as reconhecia. “São de meu filho, de meu querido filho – disse este –; bendita a vontade do Senhor que jamais me faltará, nem a nenhum dos meus.” As lágrimas da vida foram iluminadas com o sentimento de que isto também estava nos planos de Deus.

Um grande santo espanhol orou por seu povo da seguinte maneira: “Deus lhes negue a paz e lhes dê glória.” Um grande pregador moderno Lucas (William Barclay) 16

disse: “Jesus Cristo não veio para tornar a vida mais fácil, e sim para tornar os homens maiores.” É a paradoxo da bênção que confere a uma pessoa em um mesmo momento a alegria maior e a maior tarefa do mundo”.

O NOVO TESTAMENTO Comentado por William Barclay. O PARADOXO DA BÊNÇÃO. LUCAS. Título original en inglés: The Gospel of Luke, Traducción: Dafne Sabanes de Piou, © 1987 Asociación Ediciones La Aurora. Buenos Aires, Argentina, Tradução: Carlos Biagini. Lucas 1:39-45.


“A morte e a vida estão no poder da língua; e aquele que a ama comerá do seu fruto”. Provérbios 18:21