ENGANO DUPLO LEVA MEMBROS DE IGREJAS A CONTRIBUÍREM COM R$20 BILHÕES EM UM SÓ ANO NO BRASIL

“E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” João 8:32.

UM ENGANO DUPLO LEVA MEMBROS DE IGREJAS A CONTRIBUÍREM COM R$20 BILHÕES EM UM SÓ ANO NO BRASIL

E o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo. Marcos 15:38.

Desde que fiz parte de uma denominação, sempre pensei que os líderes religiosos falassem a verdade sobre a Bíblia Sagrada.

Sempre me ensinaram que o Dízimo era um dever de todo o crente e que quem não pagava ou devolvia o dízimo era ladrão, pois assim está no livro do profeta Malaquias. Deixam de ensinar que este texto refere-se à Antiga Aliança.

ENGANO DUPLO LEVA MEMBROS DE IGREJAS A CONTRIBUÍREM COM R$20 BILHÕES EM UM SÓ ANO NO BRASIL, algo correspondente a metade do orçamento da cidade de SP, ou a 90 % do disponível para o bolsa família deste ano, conforme está publicado na Folha de SP, de 18 de fevereiro de 2015.

Primeiro engano: Os líderes “religiosos” ensinam aos membros que o Dízimo ainda está em vigor para os crentes sob a nova aliança. Na realidade, o sacerdócio levítico acabou na cruz de Cristo. Não há mais sacerdócio levítico, não há mais dízimo. Não existe um só verso no Novo Testamento, após a cruz, onde a primitiva igreja de Cristo e dos apóstolos pratique o dízimo. Nem um só verso.

Segundo grande engano: Os líderes “religiosos” ensinam que o Dízimo é em dinheiro. O Dízimo na Bíblia, nos tempos do Antigo Testamento, sob a velha aliança, sempre foi em alimentos do campo, manufatura de Deus, vegetais ou animais do campo, NUNCA dinheiro, ouro ou prata, mesmo nos tempos primitivos quando havia moeda corrente (Alguns líderes maliciosos enganam os irmãos humildes e de pouca leitura dizendo que o dízimo era em dinheiro porque naquele tempo o dinheiro era sempre alimentos do campo. MENTIRA DESLAVADA. Confira em Gen. 23:16.

Os líderes são muito espertos, astutos; ensinam que não é preciso mais fazer circuncisão, sacrifícios de animais, etc. mas, o dízimo do levita está em vigor, menos o dízimo que era usado para os pobres, os estrangeiros, os órfãos e viúvas, conforme Deuteronômio 14:28 e 29, que sempre incluía o levita.

Por não estudar as Escrituras sagradas como faziam os bereanos de Atos 17:11 e os bereanos dos dias modernos, milhões continuam sendo enganados pelo sistema religioso que deixou a verdade, enquanto milhares, pouco a pouco estão sendo despertados pelo Espírito Santo de Deus e buscando servir a Deus e a Jesus em espírito e em verdade, em liberdade.

NÃO É À TOA QUE A RELIGIÃO SE TORNOU REPUGNANTE JÁ NOS DIAS DE CRISTO.

E entrou Jesus no templo de Deus, e expulsou todos os que vendiam e compravam no templo, e derribou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas; Mateus 21:12

E achou no templo os que vendiam bois, e ovelhas, e pombos, e os cambiadores assentados. João 2:14

E vieram a Jerusalém; e Jesus, entrando no templo, começou a expulsar os que vendiam e compravam no templo; e derrubou as mesas dos cambiadores e as cadeiras dos que vendiam pombas. Marcos 11:15

E tendo feito um azorrague de cordéis, lançou todos fora do templo, também os bois e ovelhas; e espalhou o dinheiro dos cambiadores, e derribou as mesas; João 2:15

DEUS ABRA OS OLHOS DE TODOS OS SINCEROS.

Veja a reportagem da FOLHA DE SÃO PAULO

LEIA TAMBÉM: O DÍZIMO NO VELHO TESTAMENTO E O DADIVAR NO NOVO TESTAMENTO

Igreja Mórmon arrecada US$ 7 bilhões de dízimo por ano nos EUA

JOÃO 8:32 E 36. DEPOIS DE SER ESCRAVO DA IASD POR 41 ANOS, HÁ 12 ANOS DEUS ME LIBERTOU, À MINHA FAMÍLIA E A MILHARES NO MUNDO INTEIRO.

2 comentários

  • Antonio Leite

    18 de fevereiro de 2015 at 15:05

    Realmente temos dúvidas quanto a obrigação do dízimo e a sua finalidade, entendo que o cristão verdadeiramente convertido e com convicções do reino de Deus, ele oferta muito mais que a décima parte em contribuição para a Obra de Deus

    Responder
    • Paulo Pinto

      18 de fevereiro de 2015 at 15:42

      Com certeza, irmão.
      No entanto, nenhuma igreja ou denominação, sobretudo pregando doutrinas espúrias, tem o direito de cobrar dízimos e até ameaçar os membros chamando-os de ladrões. Isso se torna mais criminoso ainda quando se ameaça uma viúva ou um pobre em geral.
      O DÍZIMO NO VELHO TESTAMENTO E O DADIVAR NO NOVO TESTAMENTO
      “O Novo Testamento nunca estipula um certo valor percentual como um padrão obrigatório e exigido para nossas contribuições. Ao contrário, as Escrituras declaram: “Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” (2Cor 9:7).
      “Porque já sabeis a graça de nosso Senhor Jesus Cristo que, sendo rico, por amor de vós se fez pobre; para que pela sua pobreza enriquecêsseis.” (2Co 8:9)
      No NT não vemos registros de construções de templos, por exemplo, algo que se faz demais hoje. Grandes empresas, grandes negócios.
      Mas, o crente fiel contribui generosamente para a pregação do evangelho, o engrandecimento do reino de Deus.

      Responder

Deixe uma resposta para Antonio Leite Cancelar resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Traduzir Site »