Header
Header
Header
Header
Header

O TEXTO BASE É DANIEL 5, COMENTADO POR JÚLIO NERES DO JN MINISTÉRIOS.

ACESSE http://sdrv.ms/18gBwGv E OUÇA OS ÁUDIOS.

EM http://aodeusunico.com.br/?p=3365 VOCÊ LÊ O TEXTO DO COMENTÁRIO.

 

SONHO: O BEBÊ QUE FALAVA PELOS PÉS

setembro 29th, 2013 | Posted by Paulo Pinto in Artigos - (0 Comments)

Uma das promessas bíblicas para os últimos dias é a de que os jovens terão visões e os velhos, sonhos. Como a promessa de Joel 3:1-2 é extensiva a “todos os viventes”, costumo prestar atenção também no conteúdo de meus sonhos. E em duas ou três ocasiões, ao longo destes dois anos de Adventistas.Com, partilhei aqui mensagens deduzidas a partir deles.

Nesta madrugada, um breve sonho causou-me profunda e dolorosa impressão. Sonhei que tinha nos braços um bebezinho recém-nascido, cuja voz saía dos pés, embora fosse possível perceber que seus pequeninos lábios se moviam. Aquilo me intrigou e perguntei, em sonho, a quem estava próximo, por que aquilo acontecia. Em resposta, disseram-me que os próprios pais dele haviam produzido aquela inversão macabra através de uma cirurgia!

A revelação me agitou interiormente. E segundo minha esposa, revirei-me de maneira brusca na cama, gesticulando como se protestasse. Quando acordei, estava caído fora da cama, com fortes dores na base da coluna…

Para que não aconteça como em outras ocasiões, quando sonhos que me pareciam significativos terminaram esquecidos irrecuperavelmente por não os haver transcrito, escrevo este breve relato seguido do que me parece ser a interpretação do tal sonho.

Interpretação

O bebê recém-nascido é a “nova” igreja adventista do sétimo dia que pode surgir aqui na América do Sul, através desse despertamento que resultou no congresso da Associação Brasileira de Adventistas Leigos. Uma iasd livre, cuja cabeça é apenas Cristo. 

O problema é que essa igreja renovada, que acaba de nascer, erra por repetir em aspectos de sua reestruturação e procedimentos a mesma inversão de valores que se vê na IASD. Pés que pretendem pensar e falar em lugar da cabeça, que é Cristo.

Instituições e siglas, decisões de comissões, opiniões e crenças de alguns, práticas tradicionais, regulamentos e exigências não-bíblicos continuam sendo colocados acima do discernimento individual, que só deve submeter-se à autoridade divina, conforme revelada na Bíblia.

Na iasd livre, que Deus está suscitando, adventista algum estará subordinado a marcas registradas, templos, congregações específicas, … contribuições compulsórias ou cargos e funções hierarquizados. 

Liberto por Deus dos cordões manipuladores da estrutura oficial, o adventista livre será o senhor de sua religião. “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará… Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.” João 8:32-36. 

O conhecimento da verdade em Cristo liberta tanto do erro e de suas conseqüências quanto das estruturas e práticas opressoras. “Ora, o Senhor é o Espírito; e, onde está o Espírito do Senhor, aí há liberdade.” II Coríntios 3:17.

Cuidado, irmão, com os hierarquizantes, que propõem comissões representativas em lugar de grupos de estudo e oração. Que exigem a continuação da obrigatoriedade dos dízimos, embora saibam que o sacerdócio levítico perdeu seu sentido na cruz e o conselho apostólico foi: “Cada um contribua segundo tiver proposto no coração, não com tristeza ou por necessidade; porque Deus ama a quem dá com alegria.” II Coríntios 9:7.

Cuidado com os que pretendem preservar privilégios, conservar poderes e mecanismos de controle herdados do injusto e antibíblico sistema denominacional vigente. Que formulam credos, conclusões e documentos em caráter definitivo, enquanto a Bíblia afirma que a revelação e a compreensão da verdade e da vontade do Senhor se dão de forma transformadora e crescente. “Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito.” Provérbios 4:18.

Novas Bem-Aventuranças

Bem-aventurados os adventistas-livres, a quem a Organização exclui e remove de seus registros meramente terrestres. Sobre eles, já não poderá haver controle nem ameaças de perda de cargos ou desligamento. E seus nomes permanecem nos livros do Céu!

Bem-aventurados os adventistas livres, a quem Deus libertou de obrigações e rotinas desmotivadoras, aos domingos, quartas e sábados, e abriu a possibillidade de a cada semana, infiltrarem-se como sal em outras congregações, partilhando com outros a verdade que liberta. 

Bem-aventurados os adventistas livres, porque podem reunir-se em dias, horários e locais alternativos, tendo os dias e horários tradicionais de reunião livres para permanecer em contato com os antigos irmãos e atraí-los para a liberdade que Cristo oferece.

Bem-aventurados os adventistas livres, porque podem submeter-se com maior facilidade aos planos divinos e serem usados por Deus nos locais e momentos em que Ele escolher. Deus mesmo lhes conduzirá aos lugares certos, criando oportunidades para dizerem o que precisar ser dito.

Bem-aventurados os adventistas livres, porque podem iniciar classes bíblicas ou grupos de estudo sem necessitar da autorização de homem algum. Eles não doutrinarão nem forçarão decisões prematuras, para que outros alcancem alvos ou se promovam na Revista Adventista.

Bem-aventurados os adventistas livres, porque recuperarão para si o trabalho e prerrogativas de apóstolos. Eles próprios batizarão seus interessados, ministrarão santas ceias e servirão aos irmãos, conforme lhes indicar o Espírito.

Bem-aventurados os adventistas livres, porque, libertos do controle e da padronização de pensamento, podem estudar, pesquisar e descobrir nova luz ou redescobrir preciosas verdades bíblicas a qualquer momento, sem ter de reformular credos ou aguardar pela avaliação de terceiros. 

Bem-aventurados os adventistas livres, porque se libertaram da salvação negociada pelos novos mercadores do templo, que condicionam a entrada no Céu ao pagamento de tributos sacros a uma casta mercenária que se interpõe entre os homens e Deus.

Bem-aventurados os adventistas livres, porque prestam contas unicamente a Deus relacionando-se diretamente com Ele, através de Cristo, Seu advogado e sumo-sacerdote. Assim, sem a interferência de homem algum, a religião volta a ser um assunto entre o indivíduo e Deus.

“Para a liberdade foi que Cristo nos libertou. Permanecei, pois, firmes e não vos submetais, de novo, a jugo de escravidão.” Gálatas 5:1.

Robson Ramos

FONTE: http://www.adventistas.com/novembro2001/congresso/sonho_robson.htm

 

por Jarbas Aragão

Rumores sobre terceiro templo fazem palestinos declarar guerra a IsraelRumores sobre terceiro templo fazem palestinos declarar guerra a Israel

Centenas de palestinos se reuniram este mês para alertar o mundo árabe: Israel quer destruir a mesquita de al Aqsa para construir seu templo.

Enquanto o presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas discursa na Assembleia Geral da ONU, vários grupos palestinos estão se preparando para uma terceira intifada contra Israel. Intifada é o termo que significa “revolta”, anunciado toda a vez que os palestinos desejam um ataque mais forte contra os judeus. A primeira foi em 1987 e a segunda em 2000, quando foi provocada pela visita  à caminhada de à caminhada de Ariel Sharon pela Esplanada das Mesquitas. Nos meses seguintes os conflitos deixaram muitos mortos e feridos.

A convocação desta vez foi um sinal de protesto contra a visita de grupos judeus ao Monte do Templo e a divulgação recente de que todos os preparativos já foram feitos para reerguê-lo.

Vários grupos de palestinos saíram às ruas após as orações da sexta, seu dia santo, para expressar sua “solidariedade com a Mesquita Al Aksa em face da agressão israelense”. Na semana passada, milhares de árabes israelenses participaram da manifestação “Al-Aksa está em perigo” no estádio de futebol em Umm al-Fahm. O evento teve cobertura da rede Al Jazeera.

O Sheikh Husam Abu Lil declarou diante das câmeras de TV que o governo de Israel está aproveitando que os olhos do mundo árabe estão voltados para situações no Egito e na Síria para tentar destruir o Domo da Rocha. O sheik Katib questionou o governo israelense “Por que vocês estão iniciando uma guerra santa na qual seu povo será o primeiro a ser exterminado?”

Ontem, (27), o grupo terrorista Hamas, ameaçou retomar os atentados suicidas contra Israel. Seu porta-voz Abu Obaida, disse aos jornalistas “Estamos prontos para ensinar uma lição a eles caso ocorram novos ataques contra a Faixa de Gaza”. Aproveitou para anunciar seu desejo de travar uma nova intifada, contra os esforços de Israel para “judaizar Jerusalém”.

O líder do grupo extremista Jihad Islâmica, Ahmed al-Mudallal, também exortou os palestinos “A nova intifada deve entrar em efeito contra o inimigo sionista. Acreditamos que o nosso povo tem a vontade e a capacidade de libertar a Palestina desde o rio até o mar”.

Acusando Israel de fazer novos esforços para retomar o Monte do Templo, destruindo assim os lugares sagrados para os muçulmanos, o líder da Jihad Islâmica pediu à Autoridade Palestina que encerre as atuais conversações de paz.

Um grupo palestino denominado Coalização Jovem também fez coro à Intifada, pedindo que os palestinos demonstrem sua indignação contra as visitas judaicas ao Monte do Templo. Ele diz que tem o apoio do Fatah, Hamas, Jihad Islâmica, Frente Popular para a Libertação da Palestina e da Iniciativa Nacional Palestina.

Os soldados pertencentes às Brigadas dos Mártires de Aksa, apareceram em imagens divulgadas na internet armados e mascarados, ameaçando lançar ataques contra Israel em breve. “O inimigo logo irá pagar um alto preço por seus crimes em Jerusalém”, disse um porta-voz do grupo.

A mídia israelense questiona a falta de divulgação das ameaças contra a paz em Israel, enquanto grande parte da imprensa divulga declarações do governo iraniano e da Autoridade Palestina. Com informações de Jerusalém Post.

FONTE: http://noticias.gospelprime.com.br/terceiro-templo-guerra-israel-palestina/

 

 

aceite-de-marihuana-gratis-salud-medicina-natural-Jah-cancer-memoria-descarga

Escrito  por Moreh Ahmed

¿Hay algún apoyo bíblico para el ungimiento masivo de enfermos durante un servicio de adoración?

La Biblia menciona muy poco acerca del ungimiento de los enfermos. Es muy probable que, en la Kehilah (casa de estudios), haya sido una ceremonia privada. Cuando los discípulos de Yahshua vieron a una persona enferma mientras estaban predicando, la ungieron y oraron por su curación (Mar. 6:13). Pero el pasaje más importante acerca de este tema se encuentra en Santiago 5:14, 15.

1. Instrucciones para el ungimiento de enfermos.
La única instrucción bíblica específica con respecto al ungimiento de los enfermos se encuentra en el análisis de Santiago de la oración. El apóstol enumera una serie de pasos para el ungimiento del enfermo, dando a entender que este tipo de oración debe ser ofrecida de una manera ordenada. Primero, una persona enferma invita a los ancianos, los líderes de la congregación, a que vengan a orar de rodillas por ella. Esta es, claramente, una ocasión privada, y sucede en el hogar de una persona. Segundo, los ancianos oran sobre la persona enferma. Si bien la práctica de imposición de manos sobre la persona no es mencionada, la frase oren sobre él (BJ) implica que esto era hecho. De todas maneras, el ungimiento requiere algún contacto físico con la persona. Tercero, el acto de ungir está combinado con la oración. El aceite de Cañamo era utilizado durante la ceremonia. El significado del aceite no está claro, pero el hecho de que el aceite era utilizado con propósitos médicos (ver Isa. 1:6) puede sugerir que era usado para indicar que esta es una oración por sanidad. También podría ser que el aceite sea un símbolo de la presencia del Espíritu Santo (Yahshua), el agente divino dador de la vida, Isa. 61:1-3 “El Ruaj de YAHWEH está sobre mí; por lo tanto, me ha ungido para anunciar las Buenas Noticias a los pobres; me ha enviado a proclamar libertad a los cautivos, y vista renovada a los ciegos, a proclamar el año del favor de YAHWEH.”Y el día de venganza de nuestro Elohim;para consolar a todos los que lloran, para proveer para aquellos en Tziyon que están de luto,dándoles gloria en lugar de cenizas, el aceite de gozo en lugar a los enlutados, manto de alabanza en lugar de ruaj abatido, para que sean llamados generaciones de justicia [Je 24:6; plantados por YAHWEH para gloria.

Cuarto, durante la oración, el nombre de Yahshua es invocado. Esta es otra manera de decir que los que oran no están confiando en su propio poder sino en el poder del Mashaij resucitado. Su solicitud reconoce que se es incapaz de satisfacer las necesidades de la persona enferma. Esto excluye la autoglorificación y todo sentido de orgullo o superioridad religiosa.

2. Significado de la ceremonia.

Varias cosas son significativas con respecto a esta importante ceremonia. Primero, el aceite  tiene propiedades medicinales La curación ocurre por medio de la intervención del Mashaij en respuesta a la oración que se le ofrece, a logrando curar a muchos pacientes enfermedades como CÁNCER, alergias en la piel, diabetes, infecciones, glaucoma, artritis, dolor crónico, quemaduras, ulceras, nacidos, migrañas, insomnio, asma, ansiedad, depresión y muchas enfermedades mas. (crianças, enxaqueca, insônia, asma, ansiedade, depressão e muitas mais doenças).

También le ayuda regular su peso, cura los tejidos de las heridas, rejuvenece órganos vitales y aliviar todo problema en los ovarios.

Invocar su Nombre (Yahshua) es indispensable en esta ceremonia. Los que oran ofrecen la oración con fe, confiando en la sabiduría y el poder de Yahweh. El aceite es simbólico y señala el poder de Yahshua para sanar.

Santiago deja en claro que el enfermo será sanado, y esto sucede muchas veces. Sin embargo, permanece el misterio de la oración, porque en algunos casos la oración de fe requiere que confiemos en la sabiduría de Yahweh cuando escoge actuar de otra manera. Segundo, la enfermedad no necesariamente es el resultado del pecado en la vida de una persona. Santiago escribió: Si hubiere cometido pecados, le serán perdonados (Sant. 5:15), dejando abierta la posibilidad de que la enfermedad tenga una causa natural.

La referencia al perdón indica que la sanidad por la que se ora tiene una naturaleza holística, de tal manera que la oración traiga sanidad tanto física como espiritual a la persona. La vida espiritual también es renovada a través del poder del Espíritu y la confesión del pecado.
La oración no se hace en favor de una persona que está agonizando, sino por una persona enferma que requiere sanidad. La práctica de la extrema unción no puede ser sustentada a partir de Santiago 5:14 y 15.

3. Implicaciones prácticas.

No existe apoyo bíblico para la práctica del ungimiento de enfermos en grandes cantidades durante una reunión religiosa pública. Santiago deja en claro que esta es una ceremonia religiosa privada. Una práctica mal informada del ungimiento podría conducir fácilmente a un énfasis excesivo en lo milagroso y emocional. Cuando esto sucede, la confiabilidad de una experiencia religiosa generalmente está determinada por un supuesto encuentro con el Espíritu Santo (Yahshua), independiente del testimonio de las Escrituras. Somos el pueblo de la Palabra, y deberíamos continuar dándole su papel principal en la vida de la congregación. La fe y la práctica deben ser juzgadas por la clara instrucción de las Santas Escrituras.

FONTE: http://feedproxy.google.com/~r/LosEventosFinalesProfecasBblicas/~3/cBK7HZ5YoZw/?utm_source=feedburner&utm_medium=email

 

Hoje em dia, Satanás parece tão bem sucedido, como nunca o foi antes, não apenas em levantar adversários, a fim de perseguir e destruir o povo de Deus, mas também em privá-los da fé na Palavra de Deus, usando a crítica textual naturalista ao Novo Testamento  e o modernismo dela resultante. Será que, finalmente, o astuto Satanás vai ter sucesso?  Não, porque a sua batalha já está perdida.

A Bíblia mostra que Satanás foi, certa vez, a mais bela das criaturas de Deus. Ele era “o querubim, ungido para cobrir, estabelecido no monte santo de Deus, o qual  estava no meio das pedras afogueadas… Estrela da manhã.” Mas ele caiu, por causa do orgulho, levando com ele uma multidão de espíritos rebeldes  (2 Pedro 2:4Judas 1:6). E, após sua queda, ele iniciou uma ousada guerrilha contra Deus.

No Jardim do Éden, Satanás, conhecido como Diabo,  persuadiu nossos primeiros pais a violarem a Aliança de Obras, tendo, assim, envolvido toda a raça humana em sua ruinosa conspiração.

Mas Deus estava pronto a neutralizar o estratagema de Satanás. Mesmo antes de ter criado o mundo, Ele já havia providenciado um remédio para o pecado de Adão. Através da eterna Aliança da Graça, Deus nomeou o Seu Filho Jesus Cristo para ser o Segundo Adão e fazer o que o primeiro Adão havia deixado de fazer, ou seja, cumprir a Aliança das Obras, que fora quebrada, para salvar o Seu povo da condenação.  Conforme a 1Co 15:21-22,  “Porque assim como a morte veio por um homem, também a ressurreição dos mortos veio por um homem. Porque, assim como todos morrem em Adão, assim também todos serão vivificados em Cristo”.

Pela Sua vida de perfeita obediência e pelos Seus sofrimentos e morte, o Senhor  Jesus cumpriu perfeitamente as exigências da Aliança das Obras, e pagou a penalidade do pecado causado pela sua violação. Pela Sua obediência, Cristo ganhou para o Seu povo o dom da justificação e o livrou da culpa do pecado de Adão, conforme Romanos 5:19: Porque, como pela desobediência de um só homem, muitos foram feitos pecadores, assim pela obediência de um muitos serão feitos justos”.

Pelo poder do Espírito Santo (de Deus), Cristo une o Seu povo a Si mesmo e o constitui uma nova raça. Conforme a 2 Co 5:17 “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo”.

 E, finalmente, Sua obra salvadora vai culminar na restauração de todo o universo, segundo Apocalipse 21:5: “… Eis que faço novas todas as coisas.”

Em Seu eterno plano e propósito, Deus decretou a queda de Satanás  e a neutralização do pecado de Adão, a fim de que Ele possa revelar a Sua ira, o Seu poder, a Sua longanimidade e o Seu amor e misericórdia em favor da nossa redenção. Em Romanos 9:22-24, lemos: E que direis se Deus, querendo mostrar a sua ira, e dar a conhecer o seu poder, suportou com muita paciência os vasos da ira, preparados para a perdição; para que também desse a conhecer as riquezas da sua glória nos vasos de misericórdia, que para glória já dantes preparou, os quais somos nós, a quem também chamou, não só dentre os judeus, mas também dentre os gentios? –

Os ataques de Satanás contra  a Bíblia Sagrada estão destinados ao fracasso, porque a Bíblia é o Livro da Aliança (Êxodo 24:7). Ela é eterna,  infalível, pura e correta. Nela Deus revela tudo que Lhe diz respeito e também Se revela como o Deus de Abraão, Isaque e Jacó.

Ele Se revela como o Deus Criador e Todo Poderoso, como  o fidelíssimo Deus da Aliança, …Salvador da humanidade. Ele é o Deus da História, o Deus da Salvação.  Nela, o Seu Filho Jesus Cristo Se revela aos pecadores como Profeta, Sacerdote e Rei.

“Creio que Jesus morreu por mim!” Esta confissão é o fundamento de todo o sistema de pensamento cristão, o princípio da lógica da fé.  E porque o Evangelho é verdadeiro e necessário à salvação das almas, a Bíblia, que o contém, foi infalivelmente  inspirada e tem sido providencialmente preservada através das eras.  

Então, caros leitores cristãos, continuem com esta lógica. Fiquem espiritualmente cônscios dos ataques à Bíblia, principalmente os da crítica textual ao Novo Testamento. Coloquem-se firmes ao lado de Cristo e recebam das mãos de Deus o legítimo texto da Escritura Sagrada contido na V.A. da Bíblia King James. E, conforme as palavras de Efésios 6:14-18, Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da  justiça; E calçados os pés na preparação do evangelho da paz; Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno. Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus; Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos”, prosseguindo na vitória contra Satanás e seus asseclas”.

Jesus nos garantiu: “O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar” (Mateus. 24:35).

Texto adaptado da obra  The King James Version Defended, de Dr. Edward F. Hills. http://av1611.com/kjbp/articles/hills-why-satan-can-not-win.html

Mary Schultze, 26/09/2013.

LEIA TAMBÉM:

A Versão do Rei Tiago, a qual Deus endossou e abençoou por quase 400 anos, deve ser mantida, pois é a verdadeira Palavra de Deus. A tradução em português que mais se aproxima da ‘King James’ é a Almeida Revista e Corrigida Fiel, editada pela SBTB do Brasil. (Ver ultima página)
Devido à sua pureza, o Texto Majoritário foi usado por todos os reformadores protestantes dos séculos 15, 16 e 17, para suas traduções. Isto atraiu a ira da Igreja Romana, e dezenas de milhares dos verdadeiros crentes que estudavam e publicavam a Bíblia verdadeira foram martirizados.

http://www.adventistas-historicos.com/arquivos/As_Versoes_Biblia.PDF

 

O BARBEIRO !!! Muito Boa!!!!!?

setembro 27th, 2013 | Posted by Paulo Pinto in Artigos - (0 Comments)
RECEBI DE UMA AMIGA E PARTILHO COM VOCÊ:
BARBEIRO
O florista foi ao barbeiro para cortar seu cabelo.
Após o corte perguntou ao barbeiro o valor do serviço e o barbeiro respondeu:
– Não posso aceitar seu dinheiro porque estou prestando serviço comunitário essa semana.
O florista ficou feliz e foi embora.
No dia seguinte, ao abrir a barbearia, havia um buquê com uma dúzia de rosas na porta e uma nota de agradecimento do florista.
Mais tarde no mesmo dia veio um padeiro para cortar o cabelo. Após o corte, ao pagar, o barbeiro disse:
– Não posso aceitar seu dinheiro porque estou prestando serviço comunitário essa semana.
O padeiro ficou feliz e foi embora.
No dia seguinte, ao abrir a barbearia, havia um cesto com pães e doces na porta e uma nota de agradecimento do padeiro.
Naquele terceiro dia veio um deputado para um corte de cabelo.
Novamente, ao pedir para pagar, o barbeiro disse:
– Não posso aceitar seu dinheiro porque estou prestando serviço comunitário essa semana.
O deputado ficou feliz e foi embora.
No dia seguinte, quando o barbeiro veio abrir sua barbearia, havia uma dúzia de deputados fazendo fila para cortar cabelo.

Essa é a diferença entre os cidadãos e os políticos.

“Os políticos e as fraldas devem ser trocados frequentemente e pela mesma razão.”
(Eça de Queiróz)
NA PRÓXIMA ELEIÇÃO TROQUE UM LADRÃO POR UM CIDADÃO.

A MELHOR MANEIRA…

setembro 24th, 2013 | Posted by Paulo Pinto in Artigos - (0 Comments)

LUZ

Os cristãos andam desanimados com os acontecimentos mundiais, que atestam a iniquidade do ser humano através da imoralidade, dos assaltos, dos sequestros e de outros tipos de pecados grosseiros.

As pessoas estão se tornando impacientes e muitas nos empurram nas ruas, exigindo passar, porque têm pressa de chegar a algum lugar, e nem se dão ao trabalho de pedir desculpas. 

Muitas pessoas sofrem e ficam indagando: ”Por que eu, Senhor?”  Mas Ele nunca responde, a não ser através da oração ou da Sua Palavra, a qual nos machuca e nos consola, ao mesmo tempo.

Quando éramos pequenos, sempre apelávamos aos nossos pais, nos momentos difíceis. Por que, então, não apelar agora ao Pai Celeste, que nos ama com amor eterno?

Gosto de evangelizar as pessoas que encontro nas ruas, nas lojas e nos mercados da cidade. Quando chegar a hora do meu arrebatamento …, espero estar em condição de encarar o meu Senhor, em vez de ter ficado diante da TV, tentando esquecer os problemas do dia a dia, através das novelas e dos musicais. 

A mídia tem cheiro de morte, especializando-se em más notícias. Ela é um vampiro, que se alimenta de sangue e ninguém percebe. Aliás, vivemos tão desapercebidos dos perigos que nos rondam como se fôssemos crianças de colo. Quando eu tinha cinco anos de idade, a babá me pegou brincando com uma cobra coral, na maior calma, como se fosse um brinquedo de Natal. Deus a enviou porque iria me usar no futuro, para falar do Seu Filho Jesus.

O perigo nos ronda, sinistramente. 

O Ocidente (e principalmente a Europa) está sendo invadido pelos muçulmanos. Os alimentos estão contaminados com agrotóxicos e não o percebemos. Precisamos nos salvar da poluição moral, social e religiosa. E somente quando nos entregamos nas mãos de Jesus é que ficamos protegidos. A fé é o escudo que nos protege do mal que ronda a humanidade.

Em geral, só nos lembramos de Deus, quando acontece uma crise em nossa vida. John Knox costumava orar: “Senhor, dá-me a Escócia, senão eu morro!”. Eu nuca orei assim: “Senhor leva toda a minha família a Cristo, senão eu morro!”, contentando-me em pedir a conversão de cada um…

Tentamos nos apresentar como bons cristãos, usando as melhores roupas e levando a Bíblia na mão,… quando vamos à igreja. Eu sou tão vaidosa que levo a Bíblia King James no original e nunca acompanho a leitura responsiva. …percebo que não fiz sequer uma boa obra que pudesse atravessar o fundo de uma agulha. 

A maioria dos cristãos ocidentais é de gente covarde, com exceção dos missionários, que se aventuram nos países muçulmanos, para ali pregarem o evangelho, como Ladjane e alguns outros.

A vida folgada dos cristãos ocidentais impede que avistemos os demônios que nos rondam, e que “olhemos somente para Jesus, autor e consumador da nossa fé”.

Quem economizar dinheiro no banco vai receber juros; mas quem economizar na pregação do evangelho vai receber uma boa reprimenda no Tribunal de Cristo (2 Coríntios 5:10). 

Não devemos esperar pela manhã …, a fim de testemunhar da nossa fé em Jesus. A hora é agora… ou nunca! Ele foi claro, quando disse:  “E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem. Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca, E não o perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do homem. Então, estando dois no campo, será levado um, e deixado o outro; Estando duas moendo no moinho, será levada uma, e deixada outra. Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor”. (Mateus 24:37-41).

Quantos milhares de iludidos têm se acotovelado, para ver e escutar os roqueiros que estão fazendo shows no RJ… Posso imaginar o calor do “heavy metal” em seus corações. Mas, bem pior será o calor que irão sentir, quando estiverem mergulhados nas profundezas infernais, junto com os seus ídolos!

Todos nós vamos morrer, mas a melhor maneira de morrer é levando na bagagem alguma coisa que tenha sido feita em favor do Evangelho… Vamos contribuir para Missões, enquanto pregamos sobre Jesus, através de palavras e de um bom exemplo de vida.

Mary Schultze, 24/09/2013.

 

PROFESSOR REPROVA CLASSE INTEIRA

setembro 24th, 2013 | Posted by Paulo Pinto in Artigos - (0 Comments)

PROFESSOR

Um professor de economia em uma universidade americana disse que nunca
havia reprovado um só aluno, até que certa vez reprovou uma classe inteira.

Esta classe em particular havia insistido que o socialismo realmente  funcionava com um governo assistencialista intermediando a riqueza  ninguém seria pobre e ninguém seria rico, tudo seria igualitário e justo.

O professor então disse, “Ok, vamos fazer um experimento socialista  nesta classe. Ao invés de dinheiro, usaremos suas notas nas provas.?

Todas as notas seriam concedidas com base na média da classe e,  portanto, seriam ‘justas’. Todos receberão as mesmas notas, o que  significa que em teoria ninguém será reprovado, assim como também  ninguém receberá um “A”.

Depois de calculada a média da primeira prova, todos receberam “B”.
Quem estudou com dedicação ficou indignado, mas os alunos que não se esforçaram ficaram muito felizes com o resultado.

Quando a segunda prova foi aplicada, os preguiçosos estudaram ainda menos – eles esperavam tirar notas boas de qualquer forma. Já aqueles  que tinham estudado bastante no início resolveram que eles também se  aproveitariam do trem da alegria das notas. Como um resultado, a  segunda média das provas foi “D”. Ninguém gostou.

Depois da terceira prova, a média geral foi um “F”. As notas não  voltaram a patamares mais altos, mas as desavenças entre os alunos,  buscas por culpados e palavrões passaram a fazer parte da atmosfera  das aulas daquela classe. A busca por ‘justiça’ dos alunos tinha sido  a principal causa das reclamações, inimizades e senso de injustiça que  passaram a fazer parte daquela turma. No final das contas, ninguém queria mais estudar para beneficiar o resto da sala. Portanto, todos os alunos repetiram aquela disciplina… Para sua total surpresa.

O professor explicou: “o experimento socialista falhou porque quando a recompensa é grande o esforço pelo sucesso individual é grande. Mas  quando o governo elimina todas as recompensas ao tirar coisas dos outros para dar aos que não batalharam por elas, então ninguém mais vai tentar ou querer fazer seu melhor. Tão simples quanto o exemplo de
Cuba, Coréia do Norte, Venezuela, Brasil e Argentina, que estão chegando lá.”

1. Você não pode levar o mais pobre à prosperidade apenas tirando a prosperidade do mais rico;

2. Para cada um recebendo sem ter de trabalhar, há uma pessoa trabalhando sem receber;

3. O governo não consegue dar nada a ninguém sem que tenha tomado de outra pessoa;

4. Ao contrário do conhecimento, é impossível multiplicar a riqueza tentando dividi-la;

5. Quando metade da população entende a ideia de que não precisa trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para sustentar a primeira metade, então chegamos ao começo do fim de uma nação.

Estas premissas são, praticamente todas, inspiradas no Decálogo de Abram Lincoln (1809 – 1865), 16º Presidente dos Estados Unidos da América:

1 – Você não pode criar prosperidade desalentando a Iniciativa Própria;

2 – Você não pode fortalecer o fraco, enfraquecendo o forte;

3 – Você não pode ajudar os pequenos, esmagando os grandes;

4 – Você não pode ajudar o pobre, destruindo o rico;

5 – Você não pode elevar o salário, pressionando a quem paga o salário;

6 – Você não pode resolver seus problemas enquanto gasta mais do que ganha;

7 – Você não pode promover a fraternidade da humanidade, admitindo e
incitando o ódio de classes;

8 – Você não pode garantir uma adequada segurança com dinheiro emprestado;

9 – Você não pode formar o caráter e o valor do homem lhe tirando sua independência (liberdade) e iniciativa;

10 – Você não pode ajudar aos homens permanentemente, realizando por eles o que eles podem e devem fazer por si mesmos.

“Quando você perceber que, para produzir precisa obter a autorização de quem não produz nada; quando comprovar que o dinheiro flui para quem negocia não com bens, mas com favores; quando perceber que muitos ficam ricos pelo suborno e por influência, mais que pelo trabalho, e que as leis não nos protegem deles, mas, pelo contrário, são eles que
estão protegidos de você; quando perceber que a corrupção é recompensada, e a honestidade se converte em auto-sacrifício; então poderá afirmar, sem temor de errar, que sua sociedade está condenada.?

(Frase da filósofa russo-americana Ayn Rand (judia, fugitiva da revolução russa, que chegou aos Estados Unidos na metade da década de 1920), mostrando uma visão com conhecimento de causa).

balança

JN Ministries – Pr. Julio Neris

Texto: Daniel 5:27.

“ Tequel ;”pesado fostes na balança e achado em falta “.

Viver é encontrar os pontos de equilíbrio. Em nossa curta passagem por esta terra, Deus nos dá a oportunidade de nascer, crescer amadurecer e morrer. Não existe como alguns pensam a oportunidade de viver outras vidas para amadurecer, é somente aqui, no planeta terra que podemos ‘ viver e aprender “ chegando a ser filhos “ maduros “ de Deus.

Muitos crentes pensam que DEUS só lida com os crentes, e os ímpios são deixados ao acaso ou domínio de satanás. Na realidade todos os seres humanos são criaturas que Deus ama ao ponto de enviar Jesus para morrer na cruz. O ímpio de hoje pode ser o pio (crente) de amanhã. O trabalho da igreja na terra se concentra em chamar os ímpios para Deus.

Este texto de Daniel 5, nos prova biblicamente que Deus lida com os ímpios, dando-lhes a oportunidade de mudar, de se arrepender, de ter uma nova vida, de ser humilde e não arrogante, de ser pio e não ímpio, de amar a Deus e não ao mundo.

A FESTA DE BELSAZAR

O contexto da balança de Deus, começa No capítulo 5:1,onde Belsazar o rei da babilônia na época deu uma grande festa. Nabucodonosor morreu em 562 a.C, foi sucedido por Abel Marduque ou Evil-Merodaque, este foi assassinado por Nergal Sarezer, seu cunhado que subiu ao trono em 560 a.C. Em 556 a.C ele foi sucedido por seu filho Labahi-Marduque, que foi assassinado no mesmo ano por um grupo que incluia Nabonido,que depois fora sucedido por seu filho Belsazar.

Deus já havia tratado no passado com Nabucodonosor e agora lida com outro monarca. Belsazar deu um grande banquete a “mil dos seus grandes”, ele se esqueceu de fazer uma festa para o maior de todos do universo, Deus, por isto sua festa foi uma tragédia. Nós, o povo de Deus, festejamos diariamente, nossa saúde, trabalho, família, amigos, salvação, etc. Quando festejamos, nosso principal convidado é Deus, os demais são secundários. Amado ouvinte você já viu algumas das festas que se realizam pelo mundo, as chamadas “baladas”, onde além de convidados normais, vêm os que negociam com droga como êxtase, cocaína, maconha e outras drogas, além de bebidas alcóolicas de todo o tipo. Você tem idéia de como pode uma festa desta terminar? Se não terminar em brigas, pelo menos alguns dos convidados terminarão viciados.

Amados, como é bom fazer cultos de ações de graça e convidar nossos irmãos em Cristo, o violonista da igreja, os jovens e um servo do Senhor traz uma mensagem bíblica. O resultado de uma festa como esta é a alegria e a comunhão com os irmãos. Amados, que tipo de festas você realiza? Que tipo de festas seus filhos frequentam? Este texto de Daniel também é uma reflexão sobre este tema.

ENQUANTO BELSAZAR BEBIA E APRECIAVA O VINHO

Como é bom estar sempre sóbrio, desta forma raciocinamos e tomamos decisões corretas. Quem bebe socialmente ou não, está colocando em risco sua sobriedade e problemas graves podem surgir.O primeiro erro de Belsazar foi festejar para os “ seus grandes “ e não a DEUS. O segundo erro foi beber e apreciar o vinho. Agora ele está começando a agir irresponsavelmente. Não me venham falar em demônio da bebida, não é demônio é uma bebida alcóolica que se ingerida tem efeitos no organismo humano. A culpa do que Belsazar fez é dele somente, a bebida só foi ingerida por que ele quis. Existem pessoas que nunca assumem seus erros, culpam demônios, pessoas, mas nunca assumem suas culpas. O grande segredo do crescimento e amadurecimento humano é o reconhecimento dos erros, e o desejo de não mais repeti-los.

MANDOU TRAZER OS UTENSÍLIOS DO TEMPLO

Belsazar comete a loucura de não dar valor as coisas sagradas. Coisas ou pessoas sagradas são separadas para Deus e seu serviço. Um crente é sagrado e santo para Deus. Portanto sua vida não pode se usada para o contato com outras divindades. Os instrumentos da igreja, as taças da ceia do Senhor, os objetos que foram consagrados a Deus, não podem ser usados para outros fins.

O rei e seus “grandes” beberam vinho nas taças sagradas. Outro grande erro de Belsazar foi “ dar louvores aos deuses de ouro, de prata, de bronze, de ferro de madeira e de pedra”. Deus estava vendo tudo o que Belsazar fez e não interveio, pois cada ser humano com sua inteligência e sobriedade tem naturalmente consciência do que é certo e do que é errado. Belsazar estava dando louvores, ou seja, elogiando deuses que não existiam usando utensílios do templo do verdadeiro Deus. Amado, tudo o que acontece em nossa vida é consequência de DEUS agir em nossas vidas permitindo, desejando ou consentindo, ainda que seres humanos sejam usados por Deus para nos trazer algum benefício, DEUS sempre deve ser elogiado ou louvado por nós. Os deuses e semideuses humanos são criações nossas e não de DEUS. No universo só existe um Deus. Amado louve a DEUS diariamente, por tudo o que acontece com você. Algumas coisas parecem negativas, apenas parecem, no final algum proveito teremos.

NO MESMO INSTANTE APARECERAM UNS DEDOS DE MÃO DE HOMEM

A paciência de Deus tem limite. Ele permitiu que Belsazar organizasse a festa, permitiu que se embriagasse, permitiu que usasse os utensílios do templo, permitiu que louvasse aos deuses inexistentes, mas agora Deus vai lhe dar um limite. A festa de Belsazar está prestes a terminar sem a alegria prevista pelo anfitrião.

Deus não foi convidado para a festa, mas apareceu assim mesmo. Foi para dizer algumas coisas importantes para Belsazar. A mão apareceu defronte do candeeiro, ou seja, bem perto da luz para que todos pudessem ver. Observe como Deus age. Belsazar estava tendo uma visão espiritual mesmo sem ser servo de Deus. Deus mostrou a ele a mão e ele a viu. Belsazar mesmo embriagado sabia que algo de ruim estava prestes a acontecer, o seu semblante mudou, os seus pensamentos se turbaram, as juntas dos seus lombos se relaxaram, os seus joelhos batiam um no outro.

Hoje o mesmo ocorre com muitas pessoas. Alguns vivem como se Deus não existisse. Como se fossem donos de suas próprias vidas pecam e vivem dissolutamente, vivem a dizer que Deus é bom e misericordioso, porém se esquecem que Deus quer que cresçamos e amadureçamos da mesma forma que nossos pais terrestres querem ver-nos grandes, saudáveis e felizes, mas existem momentos na vida destas pessoas em que Deus começa a agir. Deus surge para impedir que estas pessoas continuem a fazer as coisas erradas. Deus fez isto com o mercenário profeta Balaão que queria ir a Moabe para amaldiçoar o abençoado povo de Israel. Deus usou um anjo que impediu o jumento de seguir viajem. Deus interveio através do seu Filho Jesus Cristo no caminho de Saulo de Tarso ao ir para Damasco (que está sob bombardeio nos dias atuais), que estava indo a cidade maltratar e prender os servos de DEUS. Deus fez o mesmo com Jonas, jogando-o no mar o qual foi engolido por um grande peixe, porque ele queria fugir para Társis em vez de ir a Nínive pregar o evangelho.

Amado não espere que a mão de Deus comece a escrever nas paredes de nossa vida os julgamentos que Deus tem reservado para os desobedientes, mas que possamos nos antecipar e ler, meditar, praticar os ensinamentos escritos na bíblia sagrada em nosso próprio idioma. Benção para a obediência e maldição para a desobediência aos preceitos de Deus.

Belsazar estava alegre e animado no começo da festa, mas quando ele viu a mão de DEUS ficou completamente abalado, corpo, alma e espírito.

SURGE UM HOMEM QUE TEM O ESPÍRITO DE DEUS (não dos deuses, como eles pensavam)

 

 

Com o fim da festa, Belsazar deseja que alguém decifre a visão da mão escrevendo na parede. Ele prometeu premiar o intérprete, dando até o cargo de terceiro no reino. Todos os sábios vieram, mas ninguém pode ler a escritura.

A escritura de Deus só pode ser entendida pelos servos de DEUS cheios do Espírito de Deus. Amado, você é um privilegiado entre os habitantes da terra. Você que é a habitação do Espírito de Deus tem o privilégio de compreender os segredos por trás das Escrituras sagradas. Deus tem usado os seus servos para nos ensinarem lições maravilhosas que nenhum Ph.D. pode aprender nas melhores universidades do mundo.

Vemos aqui um dos motivos pelos quais Deus permitiu que Daniel e seus amigos fossem para o cativeiro na Babilônia. Deus precisava de um representante seu naquele lugar. Era como uma luz no meio das trevas, um servo de Deus no meio dos ímpios. Amado, às vezes Deus nos leva a lugares e situações aparentemente negativas, que no início não entendemos, mas, Deus sempre sabe o que faz, e podemos confiar plenamente NELE ao conduzir nossas vidas.

Deus sempre se lembra dos seus servos. Os sábios da Babilônia eram ímpios, portanto não tinham a inspiração do Espírito para entender o significado espiritual das palavras na parede. A rainha-mãe lembrou ao rei, que no reino tinha alguém que na sua concepção tinha o espírito dos deuses, mas o que ele tinha na verdade era o ESPÍRITO DE DEUS, o mesmo espírito que todos os servos de DEUS têm. A rainha viu nele luz, inteligência e sabedoria. Daniel recusou os presentes para realizar a obra de DEUS, e lembrou a Belsazar o que DEUS tinha feito com o ancestral dele, Nabucodonosor, que por causa da soberba foi morar com os jumentos monteses. Daniel lembrou ao rei que o mesmo ocorrera com ele, e que Deus agora não iria agir com misericórdia, pois o tempo agora era de julgamento.

MENE: “CONTOU DEUS O TEU REINO E DEU CABO DELE“

Daniel informou a Belsazar, que DEUS não era um deus inerte como alguns que ele conhecia. Ele é o verdadeiro DEUS do universo, aquele que tudo vê, aquele que sabe quantos grãos de areia existem em todas as praias do planeta. Aquele que sabe quantos fios de cabelo existem em nossas cabeças. Portanto Deus contou o reino de Belsazar. DEUS avaliou cada coisa feita pelo rei, e como o rei fora reprovado, Deus daria cabo dele, ou seja, outro monarca deveria ser levantado. É interessante observarmos este relacionamento de DEUS com Belsazar. Parece que Belsazar deve contas a Deus, mas é exatamente isto o que acontece, os reis, presidentes, governadores e autoridades do mundo inteiro, devem prestar contas a Deus da forma como administram, da forma como tratam os seus cidadãos. Em Romanos 13, Paulo diz que as autoridades são ministros de Deus para o nosso bem.

É por isto que ditadores corruptos e maus administradores estão com os dias contados, em algum momento a mão de DEUS começará a escrever julgamentos nas paredes de seus palácios e outros governantes são colocados em seus lugares.

TEQUEL: “PESADO FOSTES NA BALANÇA E ACHADO EM FALTA”

Deus é Deus de justiça e ser justo é dar a cada um o que cada um merece, cada pessoa colhe o que planta. Belsazar plantou pecado e desrespeito pelas coisas sagradas e colheu a perda do reino. Um dos símbolos do direito é a deusa Ártemis com uma balança na mão. A justiça dos homens é sempre imperfeita, pois é exercida por homens imperfeitos, mas a justiça de Deus é corretíssima. Deus tem uma balança não como a de Ártemis, mas uma balança perfeita. A cada dia Deus nos pesa e avalia o que pensamos e o que fizemos.

Amado, desde o momento em que você acorda até o seu deitar você tem considerado o que tem pensado, sentido ou feito? Nos seus relacionamentos com sua esposa, esposo, filhos, amigos, colegas de trabalho, qual tem sido o seu peso, você tem demonstrado equilíbrio? Você tem dosado suas emoções, você tem se irritado constantemente e tratado o seu próximo com agressividade? Na área financeira como está o seu peso? Voce gasta mais do que ganha? Você vai ao shopping e usa o cartão de crédito como se fosse de crédito, quando na realidade ele é um cartão de débito que pode levar você a falência? Na área espiritual, você é daqueles que todos os dias vai a igreja e não dá atenção ao seu marido, esposa e filhos? Voce é daqueles que só estudam a bíblia, mas não ora? Você é daqueles que fala muito da bíblia e de Deus, mas seu testemunho jamais confirmará suas palavras? Amado precisamos encontrar o equilíbrio em nossas vidas. Crentes equilibrados são crentes maduros que servem ao próximo e agradam a Deus. Belsazar foi pesado na balança de Deus e achado em falta. Ele estava pendendo de mais para um lado da balança.

PERES: “DIVIDIDO FOI O TEU REINO E DADO AOS MEDOS E PERSAS“

Peres é o singular de Parsim (Verso 25) e significa “divisão”. O grande império Babilônico agora seria dividido por DEUS. Deus o criador e administrador do universo determinou o fim da era da Babilônia e o surgimento de um monarca de outra nação. Ciro o rei dos medos e Persas, que mudou o curso do rio Eufrates e entrou na cidade pelas portas, colocando ali o seu representante Dario. Belsazar mandou que Daniel fosse vestido de púrpura, e recebesse uma cadeia de ouro no pescoço, e passasse a ser o terceiro no reino. De nada adiantaria esta instrução pois seu reino acabara e o próximo monarca estava chegando. Amado, Belsazar teve oportunidade de mudar de vida, o que hoje chamamos de porta da graça. Um dia esta porta se fechará, e a misericórdia de Deus não poderá ser mais exercida, a porta do julgamento se abrirá e cada um receberá conforme merecer. Amado e amada, ainda há tempo de avaliarmos nossa vida e nos ajustarmos aos padrões bíblicos de DEUS. Deus quer nos abençoar e nos ver felizes. Amado (a), obrigado por me acompanhar em minhas reflexões bíblicas, que Deus te abençoe abundantemente.

Pr.  Julio Neris

JN Ministries

FONTE: http://jnministries.blogspot.com.br/2006/08/na-balana-de-deus-qual-o-seu-peso.html

LIVINSTONE

Reeditado! Livro muito esclarecedor, com informações até então desconhecidas para nós brasileiros. A pesquisa feita por Neil Livingston é profunda, e ele mostra os fatos, e confirma com os escritos, tudo dentro da literatura adventista oficial. O livro 1888 Re-Examinado mostra um lado da rejeição da verdade pela igreja, mas este livro mostra quase tudo que foi alterado em nossa igreja desde a morte da irmã White. Para termos uma idéia da abrangência deste livro de 853 páginas, o dogma da trindade representa uma página somente! “Temos muito mais a temer de dentro do que de fora”, Ellen White afirmou. “Os obstáculos à força e ao êxito são muito maiores da parte da própria igreja do que do mundo.” (Mensagens Escolhidas I, página 122). Como podemos nos livrar de sermos enganados? Deveríamos deixar de estudar, receando sermos enganados? Existe algum conselho na Bíblia e no Espírito de Profecia para esses tempos perigosos e enganosos? Sim! Deus nunca permitiria que morrêssemos afogados em um oceano de contrafações. “Então, irmãos, estai firmes e retende as tradições que vos foram ensinadas, seja por palavra, seja por epístola nossa.”, o apóstolo Paulo argumenta. (II Tessalonicenses 2: 15, grifo nosso). Deus aconselha: “Estai firmes, retende a tradição [verdade] que vos foram ensinadas.” Estude a história do Movimento do Segundo Advento e apegue-se à verdade histórica dos Adventistas do Sétimo Dia. (Prefácio do autor.)

Capítulo XVI: Projeto Secreto Avental
As concessões da guerra biológica Adventista do Sétimo Dia
(1953-1973)
Os guardiões da Igreja Adventista… estão satisfeitos com a moralidade da forma sem substância, na qual a arte do engano pode ser apresentada como remédios medicinais e na qual a guerra biológica pode ser abraçada em pia obediência às determinações de Deus contra a morte. Roses, pp. 179 e 180
Sidney Katz registrou a mais secreta arma nos arsenais tanto do Leste como do Oeste – “veneno mental”, Maclean afirmou em uma reportagem no Canadá. “O propósito deles é conquistar sem carnificina e já alguns líderes militares estão chamando-lhes ‘humanitário’” (Maclean, 21 de Abril de 1962).
“Não é sem risco utilizar voluntários humanos para testar os novos agentes químicos e biológicos”, Katz afirmou. “Os experimentos ingleses resultaram em, no mínimo, uma morte a qual foi discutida na Câmara dos Comuns.” (Sidney Katz, Maclean, 21 de Abril de 1962).

Leia todo o capítulo em http://adventistas-historicos.com/arquivos/A_Grande_Conspiracao.PDF  a partir da página 320 A 349.

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=504514836304390&set=a.119135581508986.25796.100002376349221&type=1&ref=nf

Chegamos aos dias de que falou Rui Barbosa?

“De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.

Afirmam as Escrituras Sagradas:

“Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos.
Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos,
Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons,
Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus,
Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.
Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências;
Que aprendem sempre, e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade”.

2 Timóteo 3:1-7.

 

 

OUÇA UM BREVE ÁUDIO, CLICANDO NO LINK A SEGUIR:

http://sdrv.ms/1aTbFWd

VEJA O VÍDEO COM O IRMÃO ALEXANDRE BOTELHO EM http://aodeusunico.com.br/?p=70

Se essa mensagem tocou o seu coração e desejar receber gratuitamente um curso bíblico, escreva-nos para aodeusunico@gmail.com.

OUÇA O PROGRAMA A VOZ E A VERDADE, 2A A 6A, 13:15H, SÁB E DOM. 14 H RÁDIO JUAZEIRO, OU PELA WEB; http://www.radiojuazeiro.com.br

O texto é de Hernandes Dias Lopes no Boletim 184.

A mensagem é belíssima e edificante.

Áudios: 1a. e 2a. parte.

https://skydrive.live.com/redir?resid=4F466522D8375EE8!2504&authkey=!ALnVOwP3r_L4ecw

https://skydrive.live.com/redir?resid=4F466522D8375EE8!2505&authkey=!AFAk2SM7-sRWTl0

Se essas mensagens tocaram o seu coração e desejar receber gratuitamente um curso bíblico, escreva-nos para aodeusunico@gmail.com.

OUÇA O PROGRAMA A VOZ E A VERDADE, 2A A 6A, 13:15H, SÁB E DOM. 14 H RÁDIO JUAZEIRO, OU PELA WEB; http://www.radiojuazeiro.com.br