- Ao Deus Único - https://aodeusunico.com.br -

VOCÊ JÁ EXAMINOU O MAPA DA TERRA PLANA? EU JÁ.

(Endereço da imagem)

Estive fazendo uma comparação entre o Mapa Mundi que sempre conhecemos, o da terra esférica, e o da terra “Plana”, o Gleason’s New Standard Map of the World [Flat Earth], 60 cm X 84 cm.

O Mapa Mundi que utilizamos foi mapa-político, 79 cm X 52 cm, escala aproximada 1:55 000 000, 1 cm = 550 km no Equador, Escola, National Gegraphic, Brasil.

O Mapa da Terra Plana, aparentemente não mostra escala das distâncias geográficas. Mediante medidas com uma trena Wanli, WL – 509C, mostrou-se ser, pelo menos nas distâncias num mesmo Continente, de escala da ordem de 1:52 641 070, ou, 1 cm = 526,4107 km, aproximadamente.

Caso alguém conheça a escala exata desse mapa, favor nos informar.

Pelo site https://pt.distance.to/ calculamos, por exemplo a distância entre as cidades de Quito, no Equador e a de Sydney, na Austrália, considerando a terra esférica, encontrando o valor de 13.604,00 km.

Estimando a distância pelo Mapa Mundi da terra esférica, numa rota diferente da considerada na ilustração acima, como se faria numa concepção de uma terra plana, chega-se a algo como 24.585 km e, quando se considera a rota reduzida, como é mostrado na ilustração acima, a algo como 14.080 km.

No entanto, ao se estimar a distância pelo mapa da terra plana, pela forma como o mapa foi elaborado, aquilo que deveria ser da ordem de mais de 24 mil km, corresponde a 13.265 km. Essa medida nada tem a ver com a estimativa de escala que obtivemos para medidas dentro de um mesmo continente, a exemplo do continente sul-americano, no qual medimos a distância entre Salvador, BA e Curitiba, PR, obtendo-se no mapa Mundi 2.007,5 km e, no mapa da terra plana, 2.000,36 km, praticamente a mesma distância.

Outra discrepância enorme encontrada entre as distâncias entre Salvador, BA e a Linha do Equador, em que, pelo mapa Mundi tradicional, encontra-se a distância de 1760 km, enquanto, no mapa da terra plana, 736,4 km.

Em viagem que fiz recentemente num navio transatlântico, saindo de Salvador, BA, com destino ao hemisfério Norte, passando pela linha do Equador e chegando a várias cidades europeias, medimos 49 horas e quinze minutos de viagem ininterrupta até chegar à linha do Equador, numa velocidade média do navio da ordem de 35,5 km/h, o que equivaleu a cerca de 1.744,83 km percorridos, algo experimental, muito próximo do que é mostrado pelo mapa Mundi da terra esférica.

Mais uma discrepância notável das distâncias obtidas entre Continentes diferentes no mapa da terra plana foi quando medi a distância entre Lisboa, Portugal e Salvador, BA. Cerca de 4.158 km pelo mapa da terra plana, algo muitíssimo irreal e 7.700 km, quando medido pelo mapa Mundi da terra esférica.

Essas são as primeiras distorções que encontrei de um breve exame mais acurado do mapa da terra plana, algo arcaico, obtido em 1892, quando os recursos cartográficos eram ínfimos, embora, muito avançados para a época.

No entanto, não se pode negar o progresso na cartografia com o salto na qualidade instrumental nas últimas décadas, com o avanço das formas de coleta de imagens por sensores remotos, no progresso da informática e no desenvolvimento da internet.

LAIA MAIS SOBRE O ASSUNTO, CLICANDO AQUI