- Ao Deus Único - https://aodeusunico.com.br -

Seria o Deus e Pai de Jesus e nosso Deus menos justo do que nós seres pecadores?

Clique aqui e ouça o áudio. Medite, Partilhe. 

Se vós, pois, que sois maus, sabeis dar boas coisas a vossos filhos, quanto mais vosso Pai celeste dará boas coisas aos que lhe pedirem. Mateus 7:11

Nesse texto, Jesus, o Filho de Deus, que tem seu pai como seu Deus, chamando-o de único Deus verdadeiro em João 17:3, em sua oração sacerdotal, Jesus está afirmando que se nós humanos, falhos, pecadores, imperfeitos, sabemos dar boas dádivas, bons presentes aos nossos filhos, muito mais o nosso Pai que está nos céus.

Ou seja, a justiça de Deus jamais poderia ser menor ou mesmo igual à dos homens. Você percebe?

No que respeita à punição dos ímpios, ou seja, daqueles que vivem em pecado e rejeitam a salvação em Cristo Jesus, será que Deus os condenaria a viver toda uma eternidade em um inferno de fogo sem jamais acabar o sofrimento?

Que faz um juiz nesta terra quando alguém é julgado por crimes?

O culpado é condenado a diferentes anos de prisão, com dignidade e respeito, a despeito da monstruosidade do seu crime, no máximo, determinando uma morte, na maior parte das vezes, sem dor, sem tortura, mas, apenas, uma pena condizente com seu crime, sendo a pena de morte,  a mais drástica.

Será que Deus que é o padrão universal de Justiça, de equidade, de perfeição, de amor, de misericórdia, de espírito de sacrifício, quando deu Seu único Filho para morrer em nosso lugar, iria determinar e aplicar uma penalidade como algumas denominações e religiões ensinam aos seus fiéis, um inferno de fogo queimando e maltratando eternamente? A Bíblia fala de sofrimento eterno ou de morte eterna? Existe morte eterna para uma pessoa viva morrendo pouco a pouco eternamente sem esse sofrimento acabar?

Seria esse ensino bíblico ou uma distorção do ensino bíblico para amedrontar os fiéis e mantê-los presos ao sistema religioso que se quer manter?

A Bíblia em Apocalipse 20 relata como será o fim dos ímpios, daqueles que rejeitaram a salvação em Cristo Jesus. Não fala de um tormento eterno num inferno se fim. Afirma: “E subiram sobre a largura da terra, e cercaram o arraial dos santos e a cidade amada; e de Deus desceu fogo, do céu, e os devorou”. Apocalipse 20:9.

Percebe? Devorou. “Pois eis que aquele dia vem ardendo como fornalha; todos os soberbos, e todos os que cometem impiedade, serão como restolho; e o dia que está para vir os abrasará, diz o Senhor dos exércitos, de sorte que não lhes deixará nem raiz nem ramo” Malaquias 4:1.

Seria o Deus e Pai de Jesus e nosso Deus menos justo do que nós seres pecadores? Resposta: De maneira nenhuma. Deus é justo.

E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará. João 8:32. Amém, aleluias.